PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Chelsea goleia, mantém 100% e confirma classificação na Liga Europa

29/11/2018 20h29

Redação Central, 29 nov (EFE).- O Chelsea confirmou o favoritismo contra o PAOK Salônica nesta quinta-feira golear a equipe grega por 4 a 0 no estádio Stamford Bridge, manteve os 100% de aproveitamento e se classificou para a fase de 16 avos de final da Liga Europa com a liderança do grupo L.

Faltando ainda uma rodada para o fim do certame, os 'Blues' têm 15 pontos, contra seis do BATE Borisov, que também nesta quinta derrotou o Vidi, da Hungria, por 2 a 0 em Belarus. A equipe húngara também tem seis, enquanto o PAOK segura a lanterna, com apenas três, mas ainda não está eliminado.

A equipe dirigida por Maurizio Sarri se uniu a Dínamo de Kiev, da Ucrânia, Sporting, de Portugal, Zenit São Petersburgo, da Rússia, Red Bull Salzburg, da Áustria, e Fenerbahçe, da Turquia, que haviam carimbado passaporte para a próxima etapa da competição mais cedo. O Eintracht Frankfurt, que assim como o Chelsea entrou em campo às 18h (de Brasília), já havia se colocado entre os dois melhores na rodada anterior, há três semanas.

O grande nome do jogo realizado em Londres foi o atacante Giroud, que marcou os dois primeiros gols do campeão da Liga Europa de 2013, aos 27 e aos 37 minutos do primeiro tempo. Hudson-Odoi fez o terceiro, aos 15 da etapa final, e Morata deu números finais ao duelo aos 33.

Sem David Luiz, os 'Blues' tiveram dois brasileiros em campo, o lateral naturalizado italiano Emerson, titular, e o meia William, que entrou no decorrer da partida. Pelo PAOK, começaram jogando o lateral-direito Léo Matos, ex-Flamengo, o volante Maurício, que defendeu o Fluminense, e o atacante Léo Jabá, cria do Corinthians.

O BATE Borisov se colocou em vantagem na luta pelo segundo lugar ao derrotar o Vidi por 2 a 0 em casa, com gols de Signevich e Ivanic. O time bielorrusso precisará superar o PAOK na Grécia no próximo dia 13 para se classificar.

Avassalador no grupo H, o Eintracht Frankfurt goleou o Olympique de Marselha, atual vice-campeão, por 4 a 0 em casa, na Commerzbank-Arena. Um dos gols da equipe alemã foi feito contra pelo volante brasileiro Luiz Gustavo.

O Frankfurt, assim como o Chelsea, tem 15 pontos, seis a mais que o vice-líder da chave, a Lazio, que também já estava classificada por antecipação e, desfalcada de Lucas Leiva, perdeu para o Apollon Limassol por 2 a 0 em Nicosia, no Chipre. O representante cipriota foi a quatro pontos, em terceiro lugar, enquanto o Olympique tem apenas um e segura a lanterna.

Maior vencedor da história do torneio continental, com cinco conquistas, o Sevilla, com o lateral Guilherme Arana entre os titulares, se complicou ao perder para o Standard de Liège por 1 a 0 na Bélgica.

O pentacampeão é segundo colocado do grupo J, com nove pontos, mesmo número do Standard, que leva a pior no confronto direto por ter sido goleado por 6 a 0 na Espanha.

A primeira posição é do Krasnodar, que contou com um gol do brasileiro naturalizado russo Ari para vencer o Akhisar por 2 a 1 na Rússia. O gol do representante da Turquia foi do volante Serginho, revelado pelo Atlético-MG e que já vestiu as camisas de Vasco e Criciúma, entre outras.

Para se classificar sem depender do resultado do jogo entre Standard e Akhisar na Turquia, o Sevilla precisará ganhar do Krasnodar por 1 a 0 ou uma diferença maior de gols no estádio Ramón Sánchez Pizjuán.

Vagner Love balançou a rede para o Besiktas e ajudou o time de Istambul a entrar na zona de classificação do grupo I, na segunda posição, com sete pontos ao derrotar o Sarpsborg por 3 a 2 na Noruega. O adversário é último, mas tem cinco pontos e continuar com chances de passar de fase.

A liderança da chave é do Genk, que soma oito pontos após ter empatado com o Malmö em 2 a 2 fora de casa. A equipe sueca está em terceiro, com seis.

Mais embolado ainda está o grupo G, em que o primeiro e o último colocados estão separados por apenas dois pontos. A primeira posição é do Villarreal (7 pontos), que foi a Glasgow e empatou com o Rangers (6) em 0 a 0. O Rapid Viena (7) é segundo por ter vencido o Spartak Moscou (5) por 2 a 1 de virada na Rússia, com um gol aos 35 minutos do segundo tempo e outro aos 46.

O Dínamo de Kiev se classificou ao levar a melhor em confronto direto com o Astana no Cazaquistão. O representante da Ucrânia venceu por 1 a 0 e foi a 11 pontos, três a mais que a equipe mandante, que passou a depender de um empate com o Rennes na França daqui a três semanas.

O time francês manteve o sonho de ir à fase de 16 avos de final ao bater o Jablonec por 1 a 0 na República Tcheca e chegar a seis pontos. Os donos da casa pararam nos dois pontos e estão eliminados.

Esporte