PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Rueda diz que analisará permanência no Chile após eleições na federação

27/09/2018 20h50

Santiago (Chile), 27 set (EFE).- O técnico do Chile, Reinaldo Rueda afirmou nesta quinta-feira que precisa analisar sua permanência no cargo devido às eleições para a diretoria da Associação Nacional de Futebol Profissional (ANFP).

"É preciso pensar, é questão de avaliar. Não podemos nos antecipar aos fatos nem falar de hipóteses", afirmou o técnico, ex-Flamengo, em entrevista pouco depois de retornar de Zurique.

Rueda elogiou o atual presidente da ANFP, Arturo Salah, e afirmou que ele está fazendo uma ótima gestão no comando da entidade. O colombiano ressaltou que espera continuar no cargo, mas que isso depende se o dirigente continuará no comando da federação.

"Se chegarem novos diretores e não quiserem que eu siga, já disse várias vezes que isso está fora do meu alcance. Se quiserem que eu siga, ótimo. Estamos aqui para isso, é o que nos motiva. Qualquer técnico do mundo gostaria de comandar o Chile", destacou Rueda.

A entrevista foi concedida antes de Salah anunciar que não disputará a reeleição para o cargo de presidente da ANFP.

No entanto, Rueda também elogiou Harold Mayne-Nicholls, um dos postulantes ao cargo. "Ele é um excelente executivo, um profissional de altíssima qualidade", disse o técnico colombiano.

"Ele conquistou respeito não só no Chile, mas em nível internacional. Temos uma boa relação", afirmou o treinador.

Mayne-Nicholls disse hoje que conhece Rueda há 20 anos e que ficaria feliz de seguir trabalhando com o colombiano.

"Ele fez um bom trabalho no Chile. Quando você tem uma boa relação com alguém e isso é recíproco, você vai se manifestar. Certamente, ficaria feliz trabalhando com Reinaldo, é um profissional de primeira, um cara estudioso", afirmou.

Esporte