PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Brasil dá trabalho aos favoritos Suíça e Holanda no primeiro dia dos saltos

20/09/2018 02h03

Tryon (EUA), 19 set (EFE).- A segunda colocação do cavaleiro Pedro Veniss, nesta quarta-feira, levou o Brasil a brigar de igual para igual com as potências Suíça e Holanda e terminar o primeiro dia da competição de salto dos Jogos Equestres Mundiais disputados em Tryon, nos Estados Unidos, na terceira posição.

Veniss foi superado no último momento pelo suíço Steve Guerdat, medalhista de ouro nos Jogos Olímpicos de Londres, em 2012.

O brasileiro parte nesta quinta-feira na rodada classificatória para a final com 0,17 pontos de penalização sobre o europeu.

Já a equipe brasileira sairá em terceiro lugar com uma penalização de 6,42 pontos, atrás de Suíça (2,64 pontos) e Holanda (4,35), atual campeã do mundo por equipes na modalidade.

"Começamos bem e há muito pela frente, mas é importante ter um bom começo", disse Veniss, após seu percurso.

Já Luiz Francisco de Azevedo foi o segundo brasileiro melhor colocado (24º), com penalização de 2,71 pontos. Em seguida vieram Pedro Junqueira Muylaert (36º), com 3,54, e Yuri Mansour (107º), com penalização de 12,19.

Na competição de volteio, na categoria da Copa das Nações, a Alemanha conquistou a medalha de ouro com 26,502 pontos. A prata ficou com a Suíça (25,833) e a Áustria (25,371) levou o bronze.

Também no volteio, mas pela segunda rodada do estilo livre, a dinamarquesa Sheena Bendixen lidera o torneio feminino com 8,539 pontos. Na segunda posição está a alemã Janika Derks, com 8,415, seguida pela compatriota Sarah Kay, com 8,169.

No adestramento paraequestre, na prova de Grau III, a holandesa Rixt van der Horst levou o ouro, registrando 73,735% de aproveitamento. A prata foi para a britânica Natasha Baker, com 72,471 % e o bronze ficou com a americana Rebecca Hart, com 72,235 %.

Já no Grau I, a medalha de ouro ficou com a italiana Sara Morganti, com 74,750%. Enquanto que a prata e bronze foram para Laurentia Yen-Yi Tan, de Singapura, e Elke Philipp, da Alemanha, respectivamente.

Os brasileiros Sergio Fróes Ribeiro de Oliva e Vera Lucia Martins Mazzilli, terminaram na 9ª e 15ª colocação, respectivamente.

Esporte