PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Benfica empata em casa com PAOK em primeiro duelo pelo playoff da Champions

Benfica ficou no 1 a 1 em casa com o PAOK; agora, precisará buscar classificação em partida na Grécia - Armando Franca/AP Photo
Benfica ficou no 1 a 1 em casa com o PAOK; agora, precisará buscar classificação em partida na Grécia Imagem: Armando Franca/AP Photo

Da EFE

21/08/2018 18h02

O Benfica cedeu empate nesta terça-feira ao PAOK por 1 a 1, em pleno Estádio da Luz, e terá que buscar na Grécia a classificação à fase de grupos da Liga dos Campeões, em dia marcado por grande resultado do PSV Eindhoven em Belarus.

O placar do duelo em Lisboa foi aberto aos 45 min do primeiro tempo, em pênalti convertido pelo meia-atacante Pizzi. O gol nasceu de uma falta na área cometida pelo volante Mauricio, ex-Fluminense, no jovem meia português Gedson Fernandes.

Na etapa complementar, os visitantes lutaram muito para conseguir igualar e foram premiados aos 31 min, quando o atacante egípcio Amr Warda, que havia entrado em campo aos 7 minutos, balançou a rede, após bate-rebate na área encarnada.

Além de Mauricio, outros três brasileiros começaram jogando na partida. Pelo PAOK, também atuaram o lateral direito Léo Matos, ex-Flamengo, e atacante Léo Jabá, ex-Corinthians. Já pelo Benfica, o zagueiro Jardel, ex-Cruzeiro, foi capitão da equipe mais uma vez.

Com o empate em Portugal, o time comandado por Rui Vitória precisa vencer na Grécia, na próxima semana, ou alcançar igualdade em dois gols ou mais. A equipe de Salônica, por sua vez, avança com um 0 a 0. Caso se repita o placar da partida de ida, haverá prorrogação.

PSV vence fora de casa

Em Belarus, o PSV Eindhoven arrancou grande vitória nos instantes finais sobre o BATE Borisov por 3 a 2 e deu grande passo para se garantir entre os 32 clubes que disputarão a fase de grupos, a partir do próximo mês.

O meia finlandês Jasse Tuominen abriu o placar para os donos da casa aos 9 min do primeiro tempo. Pouco depois, aos 35 min, o meia uruguaio Gastón Pereiro igualou cobrando pênalti. Depois do intervalo, aos 16 min, o atacante mexicano Hirving Lozano colocou os visitantes na frente pela primeira vez no jogo.

Na reta final da partida, aos 43 min, o veterano meia-atacante bielorrusso Aleksandr Hleb marcou e ficou perto de salvar o BATE da derrota. O atacante holandês Donyell Malen, que havia saído do banco pouco antes do segundo gol dos anfitriões, garantiu a vitória do PSV aos 44 minutos.

O único brasileiro em campo na partida foi o jovem atacante Mauro Júnior, de apenas 19 anos, que foi revelado pelo Desportivo Brasil (SP), com passagem pelas seleções brasileiras de base e que está no clube da Holanda desde o ano passado.

Na Sérvia, Crvena Zvezda e Red Bull Salzburg não sairam do 0 a 0, em jogo que os donos da casa tiveram o atacante Jonathan Cafu, ex-São Paulo, e os visitantes atuaram com o zagueiro André Ramalho, que defendeu a base do Palmeiras e também o Bayer Leverkusen.

Os três jogos disputados hoje terão partidas de volta no dia 29 de agosto.

Esporte