PUBLICIDADE
Topo

Esporte

'Espiões' já informaram Tite sobre rivais da fase de grupos

23/05/2018 12h48

Teresópolis, 23 mai (EFE).- O técnico da seleção brasileira, Tite, já recebeu de seus "espiões" as primeiras análises sobre os três adversários do Brasil na fase de grupos da Copa do Mundo: Suíça, Sérvia e Costa Rica, segundo anunciou nesta quarta-feira a Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

As informações foram proporcionadas pelos analistas de desempenho de Sport, Grêmio e Avaí, os clubes brasileiros aos quais a CBF recorreu para entender melhor os rivais.

Os primeiros resultados desse trabalho foram apresentados à comissão técnica da seleção brasileira nos últimos dias na Granja Comary, em Teresópolis (RJ), onde o grupo está concentrado desde a segunda-feira passada.

O relatório sobre a Costa Rica, feito pelos analistas de desempenho da Avaí sob o comando de Ricardo Henry Duarte, foi o primeiro a chegar, no domingo.

Um dia depois, o analista chefe do Grêmio, Lucas Oliveira, apresentou em três horas de reunião um estudo sobre a Suíça. Na terça-feira, Thiago Alves e Thiago Duarte, analistas do Sport, ofereceram dados sobre a seleção da Sérvia.

O Brasil estreará na Copa do Mundo em 17 de junho, contra a Suíça. No dia 22, o adversário será a Costa Rica. Para fechar a fase de grupos, a equipe treinada por Tite enfrentará a Sérvia no dia 27 do mesmo mês.

O coordenador da seleção brasileira, Edu Gaspar, afirmou que os analistas receberam a missão de manter o acompanhamento das mesmas seleções, principalmente agora que começaram a preparação para a Copa, e que precisarão estar atentos aos próximos amistosos para completarem os relatórios.

"Com as informações que recebemos, acreditamos que poderemos enfrentar a Costa Rica de uma maneira muito segura", afirmou Gaspar ao ser questionado na segunda-feira sobre a análise que a comissão técnica tem realizado dos adversários na Rússia.

Os analistas de outros clubes brasileiros também receberam a missão de espiar seleções que podem cruzar com o Brasil nas fases seguintes, inclusive em uma provável final, mas os relatórios elaborados serão recebidos apenas quando os confrontos forem formados.

Após uma primeira fase de preparação em Teresópolis, a seleção brasileira viajará no domingo a Londres para uma segunda fase de preparação em território europeu que se estenderá por 12 dias.

Antes de se concentrar na cidade russa de Sochi, em 11 de junho próximo, a seleção disputará amistosos contra Croácia, no dia 3 de junho, em Liverpool, e Áustria, em 10 de junho, em Viena.

Esporte