PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Milan tropeça em casa pela Liga Europa; Lyon bate Everton na Inglaterra

19/10/2017 19h52

Redação Central, 19 out (EFE).- Após ter emplacado uma sequência de seis vitórias, duas pela fase de grupos e quatro nas eliminatórias preliminares, o Milan tropeçou pela primeira vez nesta edição da Liga Europa ao empatar com o AEK Atenas sem gols em pleno estádio de San Siro.

Ainda entre os jogos que começaram às 17h05 (de Brasília), o Everton, sem o atacante Rooney, perdeu em casa para o Lyon, semifinalista na última temporada, e se manteve na lanterna de sua chave.

O time 'rossonero' teve de passar por duas fases preliminares e vinha de bater Craiova e Shkendija duas vezes cada, além de ter iniciado a caminhada no grupo D goleando o Austria Viena por 5 a 1 como visitante e derrotando o Rijeka por 3 a 2 em Milão.

O Milan teve maior posse de bola, com 63%, e finalizou 19 vezes, contra apenas cinco do adversário, mas ainda assim não conseguiu vazar o goleiro Anestis, que teve grande atuação.

Apesar do tropeço, a equipe do técnico Vicenzo Montella ainda lidera a chave, com sete pontos, dois a mais que o adversário, que contou com o meio-campista brasileiro Rodrigo Galo. A terceira posição é do Rijeka, que somou seus três primeiros pontos ao derrotar o Austria Viena por 3 a 1 fora de casa, no estádio Ernst-Happel.

Pelo grupo E, considerado o grupo da morte da competição, o Everton continua sem vencer. Fekir, de pênalti, fez 1 a 0 para o Lyon no Goodison Park logo aos seis minutos do primeiro tempo. Os 'Toffees' ainda empataram aos 24 da etapa final, com Ashley Williams, mas o time francês desempatou seis minutos depois com Bertrand Traoré.

Pel mesma chave, a Atalanta bateu o Apollon Limassol por 3 a 1 no estádio Città del Tricolore, em Bergamo, e se manteve na liderança, com sete pontos. O Lyon tem cinco, e o represente cipriota, dois, deixando o Everton na lanterna, com apenas um.

Outra equipe com tradição no Velho Continente que perdeu foi o Braga. O vice-campeão da Liga Europa em 2011 foi derrotado pelo Ludogorets por 2 a 0 em Portugal, com um gol de Moti e um contra de Raúl Silva.

A partida disputada no Estádio Municipal de Braga teve nada menos que 11 brasileiros em campo, quatro pelos donos da casa e sete pela equipe búlgara, que lidera o grupo C, com sete pontos, um a mais que o adversário.

O terceiro colocado é o Hoffenheim, que desencantou na Liga Europa ao vencer o Istambul Basaksehir, dos brasileiros Márcio Mossoró e Junior Caiçara, por 3 a 1 com mandante, na Rhein-Neckar-Arena.

O Villarreal não passou de um empate com o Slavia Praga em 2 a 2 em El Madrigal e divide a liderança do grupo A com o adversário. Os times têm cinco pontos cada. O Astana, que mais cedo goleou o Maccabi Tel-Aviv por 4 a 0 no Cazaquistão, tem quatro, três a mais que o time de Israel.

Nos outros quatro jogos iniciados às 17h05, houve empate. Na capital ucraniana, o Dínamo de Kiev, líder do grupo B, foi a sete pontos ao ficar no 2 a 2 com Young Boys, segundo colocado, com três. Skënderbeu e Partizan não saíram do 0 a 0 na Albânia e têm dois pontos cada.

O Lokomotiv Moscou, com o goleiro brasileiro naturalizado russo Guilherme no time titular, se manteve na ponta do grupo F, agora com cinco pontos, ao empatar com o Sheriff em 1 a 1 na Moldávia. A equipe anfitriã tem três pontos e divide a segunda posição com o Copenhague, que também ficou na igualdade em um gol diante do Zlín na República Tcheca.

Esporte