PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Jogadores e clubes querem adiar início do Chileno devido incêndios no país

31/01/2017 13h12

Santiago do Chile, 31 jan (EFE).- O Sindicato de Jogadores Profissionais e os clubes da primeira divisão querem o adiamento do início do Torneio Clausura do Campeonato Chileno, marcado para este fim de semana, por causa de incêndios florestais que atingem o centro e o sul do país.

Ontem, a Associação Nacional de Futebol Profissional (ANFP) confirmou por meio de comunicado que a competição começará nesta sexta-feira, apesar dos apelos já feito e da decretação de emergência que vigora no país.

A ANFP nacional destacou que análises de departamentos da entidade, além de autoridades locais, apontaram que existem plenas condições de iniciar o Clausura chileno na data inicialmente prevista, apesar dos incêndios.

O secretário do sindicato e goleiro do Deportes Temuco, Luis Marín, afirmou que "não seria bom jogar a primeira rodada do torneio, já que o fogo ainda não está controlado e os deslocamentos podem ser muito perigosos".

A início da segunda e da terceira divisões do país, que aconteceria no fim de semana passado foi adiado pela ANFP, justamente, devido ao problema ambiental.

De acordo com a entidade, a situação seguirá sendo avaliada de maneira "constante".

Esporte