PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Clubes cobram US$ 21 milhões da Fifa para viabilizar 1ª divisão do Argentino

29/12/2016 18h55

Buenos Aires, 29 dez (EFE).- Os clubes que disputam a primeira divisão do Campeonato Argentino pediram ao presidente da Fifa, Gianni Infantino, que assuma o pagamento de US$ 21 milhões (R$ 68,3 milhões) prometidos pela Associação de Futebol Argentino (AFA).

"Nos dirigimos ao senhor para solicitar os compromissos assumidos pela comissão normalizadora, designada para nossa federação", diz carta assinada em conjunto pelas representantes da competição nacional, em referência a intervenção feita pela Fifa e Conmebol na entidade local.

De acordo com o pedido feito pelos clubes, o não pagamento do montante prometido pela AFA poderá inviabilizar a realização do Campeonato Argentino no próximo ano.

No texto, a Fifa é responsabilizada pelas "obrigações assumidas" pela comissão normalizadora. As equipes da elite da Argentina ainda apontam que o valor deverá ser enviado de maneira "urgente" para os cofres da federação local.

"Solicitamos o envio dos fundos em um prazo não superar a três dias, levando-se em conta a responsabilidade que cabe a esta federação", afirmam os clubes na carta enviada à Fifa.

Esporte