PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Após título com o River, D'Alessandro anuncia retorno ao Internacional

16/12/2016 15h05

Buenos Aires, 16 dez (EFE).- O meia Andrés D'Alessandro, ontem foi campeão da Copa Argentina com o River Plate, após vitória por 4 a 3 sobre o Rosário Central, anunciou nesta sexta-feira que voltará a jogar pelo Internacional, que disputará a segunda divisão em 2017.

"Estou voltando para o Brasil. O empréstimo acaba em dezembro. Há um tema contratual com o Inter que tenho que cumprir e a realidade é essa", afirmou D'Alessandro em entrevista coletiva.

O jogador argentino evitou nas últimas semanas falar sobre uma possível extensão do contrato de empréstimo ou uma transferência para o River Plate, mantendo viva a esperança dos torcedores 'millonarios' de que ele seguiria no clube.

"Já tinha comunicado à comissão técnica e aos dirigentes. Falei com o (Rodolfo) D'Onofrio (presidente do River Plate), que foi o primeiro a ser informado. Eles mereciam que eu falasse com eles. Essa é a realidade. Estou voltando ao clube no qual joguei oito anos para ver o que irá ocorrer", explicou o meia-atacante.

D'Alessandro, de 35 anos, disse que o Inter está uma "situação complicada e difícil". Por isso, afirmou que precisa se reunir com o novo presidente do clube para "saber o que aconteceu".

"Preciso saber o projeto e as necessidades que existem para não perder tempo. Tentarei fazer o melhor para recolocar o Inter no lugar onde ele merece estar", completou o jogador.

D'Alessandro voltou ao River Plate no início deste ano e conquistou a Recopa Sul-Americana e a Copa Argentina.

"Os títulos são a medalha de ouro do trabalho, mas meu trabalho foi muito bom. Ter treinado com essa comissão técnica me rejuvenesceu. Me exigiram ao máximo e consegui responder. Isso me deixa feliz. Havia uma concorrência impressionante com os jovens jogadores e joguei quase todas as partidas. Fico feliz", afirmou.

O meia afirmou que o River Plate o formou "como pessoa e como jogador". Além disso, disse que se não tivesse contrato com o clube gaúcho talvez as coisas fossem diferentes.

Esporte