PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Michel Temer se solidariza com vítimas em acidente com avião da Chapecoense

29/11/2016 09h09

Brasília, 29 nov (EFE).- O presidente Michel Temer se manifestou na manhã desta terça-feira sobre o acidente com o avião que transportava a delegação da Chapecoense para a Colômbia, onde aconteceria o primeiro jogo da final da Copa Sul-Americana, contra o Atlético Nacional, em Medellin.

"Nesta hora triste, que a tragédia se abate sobre dezenas de famílias brasileiras, expresso minha solidariedade", escreveu o chefe do Executivo em seu perfil pessoal no Twitter.

Temer relatou que as autoridades brasileiras já estão atuando para auxiliar vítimas e sobreviventes do acidente, que aconteceu na madrugada desta terça-feira nos arredores da cidade de Medellín, na Colômbia. O avião levava 81 pessoas, entre jogadores, comissão técnica, jornalistas e tripulantes.

"Estamos colocando todos meios para auxiliar familiares e dar toda a assistência possível. A Aeronáutica e o Itamaraty já foram acionados. O governo fará todo o possível para aliviar a dor dos amigos e familiares do esporte e do jornalismo nacional", afirmou o presidente, que terminou a mensagem com a hashtag "#ForçaChape".

Até o momento, foi confirmado que os goleiros Danilo e Follmann, o lateral-esquerdo Alan Ruschel, além de uma comissária de bordo, a boliviana Ximena Suárez, foram resgatadas com vida no local e encaminhados para hospitais da região.

"São entre 75 e 76 pessoas falecidas", disse a jornalistas o comandante da Polícia do Departamento de Antioquia, coronel José Gerardo Acevedo, em entrevista coletiva.

Esporte