PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Klinsmann é demitido do cargo de técnico dos EUA

21/11/2016 20h19

Redação Central, 21 nov (EFE).- O alemão Jürgen Klinsmann foi demitido do cargo de técnico da seleção dos Estados Unidos, conforme anunciou a federação de futebol do país em comunicado divulgado pelas redes sociais.

"Nesta segunda-feira tomamos a difícil decisão de adotar um caminho diferente de Jürgen Klinsmann, nosso treinador e diretor técnico da seleção masculina dos Estados Unidos. Queremos agradecer a Jürgen por seu trabalho e compromisso ao longo destes cinco anos. Ele assumiu com orgulho a responsabilidade de dirigir o programa (de seleções) e houve conquistas consideráveis no caminho", disse no comunicado Sunil Gulati, presidente da entidade.

Klinsmann assumiu o cargo de técnico dos Estados Unidos em 2011 e comandou a seleção americana em 98 partidas, com 55 vitórias, 27 empates e 16 derrotas.

Em 2013, o alemão conseguiu sua maior conquista ao vencer a Copa Ouro, disputada em território americano a cada dois anos. Na Copa do Mundo de 2014, no Brasil, os EUA perderam por 2 a 1 para a Bélgica nas oitavas de final, o mesmo resultado obtido pelo técnico anterior, Bob Bradley, na África do Sul em 2010.

Em meados de 2016, Klinsmann levou a seleção americana até as semifinais da Copa América Centenário, sediada nos EUA, fase em que foi eliminada por 4 a 0 pela vice-campeã Argentina.

Após duas partidas disputadas no atual hexagonal final das Eliminatórias da Concacaf para a Copa do Mundo de 2018, que concede três vagas diretas para o Mundial e mais uma com repescagem, os EUA ocupam o último lugar da classificação ainda sem pontuar devido às derrotas por 2 a 1 para o México e por 4 a 0 para a Costa Rica.

Esporte