PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Morre na Turquia Kervin Piñerúa, capitão de seleção venezuelana de vôlei

18/11/2016 15h36

Istambul, 18 nov (EFE).- O jogador profissional de vôlei Kervin Piñerúa, capitão da seleção da Venezuela, morreu nesta sexta-feira aos 25 anos vítima de uma parada cardíaca, segundo informações de sua equipe, a Afyon Belediyesi SK, da cidade turca de Afyonkarahisar.

"O jogador do Afyon Belediye e capitão do time nacional da Venezuela, Kervin Martin Piñerúa Urbina, morreu por causa de uma crise cardíaca. Nosso dor é infinita. Damos as condolências a sua família e à comunidade esportiva", comunicou a equipe no Twitter.

A revista esportiva turca "Fanatik" detalha que Piñerúa foi internado nesta quinta com febre alta e que piorou durante a noite, até morrer no começo desta manhã.

Ainda não há um diagnóstico confirmado sobre a causa da morte, mas os médicos suspeitam que o jogador foi infectado por um forte vírus, e entre os exames realizados há também um de gripe suína, ainda de acordo com a revista.

Nascido em Caracas em 1992, o oposto defendia a seleção da Venezuela desde os 18 anos. Antes de defender o Afyon Belediyesi, ele atuou pelo Vikingos de Miranda, de seu país.

Esporte