PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Barrios minimiza altitude antes de duelo entre Paraguai e Equador

21/03/2016 17h19

Guayaquil (Equador), 21 mar (EFE).- O atacante Lucas Barrios minimizou nesta segunda-feira os efeitos da altitude de Quito, onde a seleção paraguaia encarará a equatoriana, pela quinta rodadas das Eliminatórias sul-americanas para a Copa do Mundo, daqui três dias.

"A altitude vale da mesma forma para os dois times. O Equador tem jogadores na Europa, no Brasil, por isso, afetará a ambos", garantiu o atleta do Palmeiras.

O experiente atacante, de 31 anos, também descartou amplo favoritismo da 'Tri', líder das Eliminatórias com 12 pontos, cinco a mais que os paraguaios, que ocupam a quarta colocação na tabela, atrás também de Uruguai e Brasil.

"Nós respeitamos o Equador, mas eles também sabem que nós já não somos o mesmo time. Temos um técnico novo e vencedor, que nos transmite muita confiança", disse Barrios, em referência ao argentino Ramón Díaz.

Depois de enfrentar a primeira colocada das Eliminatórias, os paraguaios duelarão com o Brasil, no estádio Defensores del Chaco, na próxima semana.

Esporte