PUBLICIDADE
Topo

Esporte

CAS mantém veto à equipe búlgara de halterofilismo dos Jogos do Rio

29/01/2016 16h57

Redação Central, 29 jan (EFE).- A Corte Arbitral do Esporte (CAS) manteve a Federação Búlgara de Halterofilismo inabilitada de participar dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, neste ano, mas retirou a multa de US$ 500 mil imposta pelo presidente da Federação Internacional (IWF).

As duas punições, definidas em dezembro, foram consequência dos 11 casos de doping que afetaram levantadores búlgaros em apenas uma temporada.

A federação búlgara apelou ao CAS e, mediante um procedimento abreviado por acordo entre as partes, o juiz alemão Martin Schimke recebeu na última segunda representantes das duas federações, búlgara e internacional.

Em relação à multa, Schimke definiu que o presidente da IWF não tem jurisdição para tomar essa decisão por si mesmo, mas é competência do Comitê Executivo, de acordo com seu próprio regulamento.

Por outro lado, o CAS entende que o dirigente pode decretar a inabilitação para participar dos Jogos Olímpicos porque o regulamento não especifica se é competência do Comitê Executivo. Além disso, é atendido o requisito de que pelo menos nove levantadores tenham dado positivo em uma temporada.

Esporte