Artilheiro da Ponte, Jeh lembra negociação frustrada com o Santos: 'Deixei passar'

Os dois gols marcados nas últimas três partidas confirmam a volta por cima de Jeh com a camisa da Ponte Preta. Há pouco mais de dois meses, o centroavante se envolveu em polêmica após uma negociação frustrada com o Santos.

Antes do início da Série B do Campeonato Brasileiro, o Santos tentou o empréstimo de Jeh, mas a proposta foi recusada pela Ponte Preta. O atacante ficou irritado e pediu para ficar de fora da estreia, contra o Coritiba.

De volta na segunda rodada, Jeh perdeu um pênalti e foi substituído por João Brigatti aos 28 minutos do primeiro tempo. O centroavante voltou na sexta rodada, mas só deslanchou mesmo com a chegada de Nelsinho Baptista.

Titular em cinco das seis partidas sob o comando do experiente treinador - só ficou de fora por suspensão -, Jeh tem três gols na Série B e é o artilheiro da Ponte Preta na temporada, com sete bolas nas redes.

"O início foi turbulento por conta da situação com o Santos, mas isso eu já deixei passar e procurei focar na Ponte Preta. Fui trabalhando e as coisas foram acontecendo. Estou feliz agora com as boas partidas e quero continuar ajudando com gols", comentou Jeh.

A Ponte Preta aposta no camisa 9 para chegar ao quarto jogo de invencibilidade na sexta-feira, 12, quando recebe o Mirassol, no Estádio Moisés Lucarelli, pela 15ª rodada da Série B.

Deixe seu comentário

Só para assinantes