Brusque quebra jejum com vitória sobre o Ceará, mas continua entre os piores da Série B

Enfim, depois de oito jogos de jejum, o Brusque conseguiu voltar a vencer na Série B do Campeonato Brasileiro. O time catarinense recebeu e ganhou do Ceará, pelo placar de 1 a 0, no estádio Hercílio Luz, em Itajaí (SC), local que manda seus jogos enquanto o estádio Augusto Bauer passa por reforma. O duelo foi morno, sem muitas chances, mas Marcelo Serrato, no começo do segundo tempo, fez o gol da vitória.

Apesar de ter voltado a vencer, o Brusque segue na zona de rebaixamento, agora com nove pontos, um atrás do Botafogo-SP, que é o primeiro time fora do Z-4, com dez. Já o Ceará conheceu a sua segunda derrota seguida e segue no meio da tabela com 15 pontos.

O primeiro tempo do duelo foi bastante sem graça, com as duas equipes trocando passes no meio campo, mas sem muita efetividade. Ou seja, as chances de gols foram escassas.

Na volta do segundo tempo, o duelo continuou sem muita qualidade, mas o Brusque conseguiu abrir o placar aos 19 minutos. Dentinho arriscou um chute de fora da área e no primeiro momento o goleiro Richard fez a defesa, mas deu rebote nos pés de Marcos Serrato, que apareceu livre na área e mandou no cantinho. O lance ainda foi analisado pelo VAR e o gol confirmado.

A partir daí o Brusque passou a controlar a vitória, enquanto o Ceará tentava de tudo pelo empate. Mas, foram os donos da casa que voltaram a balançar as redes, desta vez com Wellissol aos 46, mas o árbitro invalidou o gol mais uma vez por conta de um impedimento.

Os dois times voltam a campo no meio da próxima semana para a disputa da 11ª rodada da Série B. Na quarta-feira (19), o Brusque recebe o Avaí, às 21h30. Já na quinta-feira (20), o Ceará encara o Sport, na Arena Castelão, também às 21h30.

FICHA TÉCNICA

BRUSQUE 1 X 0 CEARÁ

BRUSQUE - Matheus Nogueira; Diego Tavares, Wallace e Éverton Alemão (Paulinho Moccelin); Rodolfo Potiguar (Ianson), Marcos Serrato, Dionísio (Madison), Diego Mathias (Keké) e Alex Ruan; Dentinho (Wellissol). Técnico: Luizinho Vieira.

CEARÁ - Richard; Rafael Ramos, Ramon Menezes (Matheus Felipe), David Ricardo e Matheus Bahia; Jean Irmer (Lucas Mugni), De Lucca (Recalde) e Lourenço; Erick Pulga, Barceló (Aylon) e Saulo Mineiro (Janderson). Técnico: Vagner Mancini.

GOL - Marcos Serrato, aos 19 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Diego Tavares e Madison (Brusque) e David Ricardo, Lucas Mugni e Richard (Ceará).

ÁRBITRO - Matheus Delgado Candançan (SP).

PÚBLICO E RENDA - Não disponíveis.

LOCAL - Estádio Hercílio Luz, em Itajaí (SC).

Deixe seu comentário

Só para assinantes