Brasil exalta 'energia em quadra' para manter invencibilidade na Liga das Nações de vôlei

A décima vitória em dez partidas teve um elemento a mais que contribuiu para a seleção brasileira feminina de vôlei superar a Alemanha na manhã desta quinta-feira, em jogo realizado em Hong Kong: a energia em quadra.

De acordo com a líbero Natinha, a Alemanha mais uma vez manteve a tradição de dificultar os confrontos com o Brasil, mas o time soube dar a resposta nos momentos de maior pressão.

"Historicamente a Alemanha sempre vem para cima. O finalzinho teve um pouquinho mais de emoção, mas a nossa energia e a vibração em quadra fez a diferença para que conseguíssemos mais uma vitória", afirmou.

Diante de um jogo marcado pelo equilíbrio, todos os quatro sets foram disputados ponto a ponto até a sua definição. Para a central Diana, a eficiência do esquema montado pelo técnico José Roberto Guimarães foi fundamental para o resultado final.

"A Alemanha defendeu muito bem e mostrou força na hora de atacar. Só que o nosso sistema funcionou muito no jogo. Esse equilíbrio fez o time crescer ainda mais na partida", disse Diana ao falar da vitória por 3 sets a 1.

A lista das 14 atletas que vão enfrentar a Bulgária na madrugada desta sexta-feira, (às 2h30, horário de Brasília) pela Liga das Nações já foi definida. Confira a lista abaixo.

Macris - levantadora

Roberta - levantadora

Lorenne - oposta

Tainara - oposta

Ana Cristina - ponteira

Gabi - ponteira

Julia Bergmann - ponteira

Pri Daroit - ponteira

Rosamaria - ponteira/oposta

Carol - central

Diana - central

Thaisa - central

Natinha - líbero

Nyeme - líbero

Deixe seu comentário

Só para assinantes