Tragédia! Lenda do boxe, Roy Jones Jr lamenta morte do filho: "Tirou a própria vida"

Ícone do boxe nos anos 90 e 2000, Roy Jones Jr passa um momento devastador em âmbito pessoal. Na última segunda-feira (24), o pugilista americano anunciou a morte de seu filho, DeAndre Jones, de apenas 32 anos. De acordo com o relato do veterano, seu pupilo atentou contra a própria vida no último final de semana.

Através de suas redes sociais (veja abaixo ou clique aqui), Jones Jr revelou que passou algumas das últimas horas de DeAndre ao seu lado. Em uma espécie de desabafo, a lenda dos ringues lamentou o ocorrido, ao salientar que, por mais que indivíduos possam estar passando por momentos delicados, suicídio nunca deveria ser uma saída cogitável em nenhuma circunstância.

"Infelizmente, meu filho DeAndre tirou a própria vida no sábado. Sou muito grato a Deus que me permitiu voltar para casa na noite de sexta-feira e passar a última noite de sua vida com ele e sua família. Eu sei que muitas pessoas estão passando por períodos difíceis no momento, mas nada vale a pena tirar a sua própria vida. Deus nos dá (a vida) e Deus deveria ser quem nos tira. Por favor, respeitem nossa privacidade enquanto minha família e eu processamos essa perda. Obrigado a todos pelo amor e apoio", lamentou Roy.

Histórico de Roy Jones Jr no boxe

Roy Jones Jr construiu uma carreira ímpar em cima dos ringues. Hoje, aos 55 anos, o pugilista detém um cartel com 66 vitórias e dez derrotas como profissional. Em seu auge, o americano foi campeão mundial em quatro categorias de peso diferentes. Tais feitos fizeram com que o veterano tivesse sua trajetória eternizada e fosse induzido ao Hall da Fama da modalidade.

 

 

Uma publicação compartilhada por Roy Jones Jr. (@royjonesjrofficial)

Deixe seu comentário

Só para assinantes