Lesionado, McGregor afasta ideia de aposentadoria: 'Confiante que voltarei'

Na última sexta-feira (14), Dana White anunciou uma bomba para os fãs de MMA: a saída de Conor McGregor do UFC 303 por conta de uma lesão. Quase dois dias após a revelação, o ex-campeão peso-pena (66 kg) e peso-leve (70 kg) da organização quebrou o silêncio sobre o assunto. Através de suas redes sociais, 'Notorious' confirmou a contusão, mas afastou qualquer indício de uma eventual aposentadoria, destacando que pretende voltar a competir no octógono mais famoso do mundo.

Na publicação, o falastrão irlandês não deu detalhes sobre qual região foi lesionada, a gravidade da contusão e nem deu um prazo para voltar à ativa. Entretanto, a tendência é que seu duelo contra Michael Chandler não seja cancelado, e sim adiado - já que Conor salientou que seu oponente merece enfrentá-lo em sua melhor versão possível. Afastado há quase três anos do UFC, porém, McGregor faz seus fãs questionarem se seus melhores dias já não ficaram no passado.

"É muito difícil ser descartado da luta de retorno já marcada. Contraí uma lesão antes da coletiva de imprensa que exigiu mais tempo para cicatrizar do que estava disponível para mim (até o UFC 303). A decisão de adiar a luta não foi tomada de qualquer jeito, mas sim em consulta com meus médicos, o UFC e minha equipe. Minha torcida e adversário merecem o meu melhor para essa luta e vamos chegar lá! Obrigado pelas mensagens de apoio, estou de bom humor e confiante que voltarei", escreveu 'Notorious'.

Poatan assume vaga e 'salva' o card

Com menos de duas semanas para a realização do UFC 303, a alta cúpula do Ultimate precisou agir rapidamente para encontrar uma nova luta principal para o show com sede em Las Vegas (EUA). E o encarregado de liderar o card do dia 29 de junho foi o campeão dos meio-pesados (93 kg) Alex Poatan, que coloca seu cinturão em jogo em uma revanche contra Jiri Prochazka. No 'co-main event', o também brasileiro Diego Lopes mede forças com o ex-desafiante ao título Brian Ortega, em importante duelo na categoria dos penas (66 kg).

Deixe seu comentário

Só para assinantes