Alex Poatan se mostra incerto quanto a retorno triunfal de Adesanya no UFC

Derrotado por Sean Strickland, em setembro, na Austrália, Israel Adesanya decidiu se afastar do MMA para se recompor e, recentemente, empolgou seus fãs ao prometer um retorno triunfal e violento ao UFC. Contudo, Alex Pereira se mostrou incerto quanto ao que o rival pode apresentar em sua volta ao octógono.

Atualmente, a imprensa especializada especula que o atleta, mesmo vindo de derrota, disputará o título do peso-médio (84 kg) do UFC novamente contra o campeão Dricus du Plessis. Ao analisar a provável luta, 'Poatan' destaca que ela pode ser mais difícil do que se imagina para Adesanya.

De acordo com o brasileiro, o rival virou um lutador diferente após a primeira luta que fizeram no UFC, em 2022. Na ocasião, Alex nocauteou o nigeriano e se tornou campeão dos médios. Na sequência, Adesanya venceu a revanche, porém foi derrotado de forma surpreendente por Strickland, sendo dominado na trocação.

"É difícil. Falei que contra o Strickland seria complicado. Sinceramente, é até difícil de falar. Depois que ganhei do Adesanya, ele mudou um pouco. Sinceramente, fico meio perdido e até sem uma resposta para essa luta", declarou o campeão do UFC em entrevista ao canal do 'YouTube' 'mainevent'.

Registro de 'Poatan' no MMA

Alex Pereira, de 36 anos, se tornou campeão do peso-médio (84 kg) do UFC, em 2022, e, um ano depois, conquistou o cinturão dos meio-pesados. O brasileiro iniciou sua trajetória no MMA em 2015 e construiu um cartel composto por 12 lutas, dez vitórias, sendo oito por nocaute, e duas derrotas. Seus principais triunfos foram sobre Israel Adesanya, Jamahal Hill, Jan Blachowicz, Jiri Prochazka e Sean Strickland.

Deixe seu comentário

Só para assinantes