PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Campeão do Bellator, Patricky 'Pitbull' projeta luta contra 'Do Bronx' e mostra confiança

Ag. Fight

28/06/2022 06h00

Patricky Freire conquistou o cinturão do peso-leve (70 kg) do Bellator em novembro e, como não poderia ser diferente, trata seu futuro no MMA com empolgação. O campeão da categoria coloca o título em jogo pela primeira vez contra Sidney Outlaw, na edição de número 283, que acontece no dia 22 de julho, em Washington (EUA), e vai além. Como a companhia costuma realizar eventos em parceria com o RIZIN FF, 'Pitbull' se mostra animado com a possibilidade de, um dia, enfrentar os principais atletas do UFC.

Embalado por alcançar o status de campeão do peso-leve do Bellator depois de 11 anos de trabalho na companhia, Patricky afirma que vive seu melhor momento no MMA. Tanto que, em entrevista exclusiva à reportagem da Ag. Fight (veja acima ou clique aqui), 'Pitbull' se considera apto para não só dominar a categoria na empresa, como também fazer frente e até vencer os nomes mais consagrados da divisão.

Se antes atletas do Bellator como AJ McKee, Corey Anderson, Cris 'Cyborg', Patrício 'Pitbull', entre outros, expressaram o interesse em medir forças com os lutadores do UFC, agora Patricky seguiu seus parceiros de organização. Em seu discurso, o veterano adota um tom confiante, porém mais respeitoso. O brasileiro abre as portas para encarar qualquer top do Ultimate, mas cita Charles Oliveira como luta dos sonhos. De acordo com o atleta, 'Do Bronx', assim como ele, vive momento especial no MMA e, como são agressivos em combate, o encontro tem tudo para parar o país, caso aconteça um dia.

"Contra os campeões desses eventos, acho que me daria muito bem. Todos sabem que sou um cara muito perigoso, apesar de ser pacato e sorridente, sou um cara muito perigoso no cage, que gosta de nocautear todo mundo. Adoraria nocautear qualquer um, de qualquer evento. Sei que tenho capacidade para isso. O nome da organização não quer dizer nada. O peso vai estar aqui, na ponta da mão e não no nome da organização. Acho que luto bem contra qualquer um da categoria, até contra o próprio campeão, com todo respeito ao Charles, que é um cara que está em ascensão total. Com certeza, essa seria uma luta muito emocionante. É chumbo trocado de grosso calibre", declarou o campeão do Bellator.

Patricky Pitbull, de 36 anos, conquistou o cinturão vago do peso-leve do Bellator, em novembro. Na ocasião, o veterano foi até a Irlanda e nocauteou Peter Queally, atleta da casa, na revanche. O brasileiro integra a organização desde 2011 e é um dos principais nomes dela. No MMA, seu cartel profissional é composto por 24 vitórias e dez derrotas. Os principais triunfos do lutador foram sobre Ben Henderson, Josh Thomson e Tatsuya Kawajiri.

Esporte