PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Anderson Silva domina rival brasileiro no boxe, mas luta termina empatada

Anderson Silva, o Spider, em ação durante luta de boxe - Manuel Velasquez/Getty Images
Anderson Silva, o Spider, em ação durante luta de boxe Imagem: Manuel Velasquez/Getty Images

Ag. Fight

21/05/2022 18h35

Neste sábado (21), Anderson Silva, ex-campeão e lenda do UFC, encarou o compatriota brasileiro Bruno 'Caveira' em combate de exibição nas regras do boxe, pelo evento Global Titans Fighting.

O evento, rebatizado como 'Abu Dhabi Unity', foi transferido para outubro devido ao falecimento do sheik Khalifa bin Zaye, presidente dos Emirados Árabes Unidos.

No entanto, os atletas escalados para o card - incluindo Silva - decidiram manter a atração de pé e realizaram as lutas, sob a apresentação do astro americano Floyd Maywheater.

Aos 47 anos, Anderson Silva mostrou habilidade em nova apresentação no ringue. O ex-número 1 dos pesos médios (84 kg) protagonizou um movimentado embate com Bruno 'Caveira', em oito rounds de dois minutos cada.

A luta

Dono das ações desde o início, o Spider controlou a distância e impôs seu estilo com potentes golpes em linha reta, esquivas precisas e boas combinações na curta distância. No sexto assalto, inclusive, o veterano pressionou o rival contra as cordas e conectou um knockdown, para a alegria dos fãs presentes no ginásio em Abu Dhabi.

No último round, Anderson voltou a colocar pressão contra Bruno, que mostrou boa absorção de golpes para se manter ativo na disputa e levá-la até o final. O seu desempenho foi coroado com o anúncio oficial da disputa, que terminou empatada, como previsto pelas regras para disputas de exibição.

Foi um belo show, que devido às conturbadas negociações e mudanças de datas, acabou não sendo transmitida em território brasileiro.

Essa foi a terceira apresentação de Anderson na nobre arte após o atleta encerrar seu ciclo no Ultimate Fighting Championship (UFC). Vale lembrar que a luta de boxe entre Anderson e Bruno deveria ter acontecido no último sábado (14) em Dubai, mas acabou adiado para hoje.

Esporte