PUBLICIDADE
Topo

MMA


MMA

Raoni Barcelos cai para estreante e amarga segunda derrota seguida no UFC

Raoni Barcelos cai para estreante, Victor Henry, no UFC 270 - Reprodução/UFC
Raoni Barcelos cai para estreante, Victor Henry, no UFC 270 Imagem: Reprodução/UFC

Ag. Fight

23/01/2022 00h02

Depois de múltiplos cancelamentos de luta, que o levaram a atuar apenas uma vez no último ano, Raoni Barcelos finalmente pôde pisar novamente no octógono mais famoso do mundo. Mas o retorno do peso-galo (61 kg) não teve final feliz. Neste sábado (22), em ação no card preliminar do UFC 270, em Anaheim (EUA), o brasileiro foi superado pelo estreante Victor Henry na decisão unânime dos juízes.

Com o resultado, Raoni sofreu sua segunda derrota consecutiva no octógono do Ultimate. O carioca, que já esteve próximo de entrar no ranking dos pesos-galos, agora se afasta do top 15 da divisão após iniciar sua trajetória na organização com cinco vitórias seguidas.

A luta

O primeiro round transcorreu quase na sua totalidade em pé, com Raoni apostando mais no boxe e Henry diversificando mais seus golpes. Apesar de estreante no UFC, o americano mostrou bastante personalidade e não se intimidou diante do brasileiro, acertando os melhores golpes no assalto e levando perigo ao carioca.

A atuação no primeiro round parece ter aumentado a confiança do americano, que iniciou o segundo assalto caminhando para frente e dominando as ações na trocação. Raoni conseguiu equilibrar a luta, mas Henry levava a vantagem no volume de golpes.

Precisando reverter o placar, Raoni começou o terceiro round mais agressivo, mas, apesar de acertar bons golpes no rival, seguia sendo atingido com certa facilidade pelo americano também. O ímpeto inicial na etapa claramente cobrou seu preço e o brasileiro visivelmente cansou, dificultando ainda mais seu trabalho. Restando menos de um minuto para o fim, Barcelos ainda assustou o adversário com uma boa combinação, mas não foi o suficiente para garantir a vitória.

Confira os resultados do UFC 270:

Victor Henry venceu Raoni Barcelos por decisão unânime dos juízes;
Jack Della Maddalena venceu Pete Rodriguez por nocaute técnico;
Tony Gravely venceu Saimon Oliveira por decisão unânime dos juízes;
Matt Frevola vence Genaro Valdéz por nocaute técnico;
Vanessa Demopoulos venceu Silvana Gomez Juarez por finalização;
Jasmine Jasudavicius venceu Kay Hansen por decisão unânime dos juízes.

MMA