PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Gane revela estratégia para ser o primeiro a vencer Ngannou pela via rápida

Ag. Fight

20/01/2022 06h30

Ciryl Gane se prepara para disputar a luta mais importante de sua carreira, mas se engana quem pensa que o atleta está nervoso com o desafio. No UFC 270, evento que acontece neste sábado (22), na Califórnia (EUA), o francês, dono do cinturão interino do peso-pesado, vai enfrentar Francis Ngannou, campeão linear da categoria, e, ao mesmo tempo que elogia o oponente, esbanja confiança para o confronto.

Como Gane conhece Ngannou mais do que qualquer outro lutador do peso-pesado do UFC, mostra respeito e admite que o adversário possui armas que podem complicá-lo no octógono. Contudo, como treinou com o campeão linear da categoria durante anos na academia 'MMA Factory', localizada na França, 'Bon Gamin' destacou que reúne as características necessárias para vencê-lo de forma impressionante.

Em entrevista ao site 'BJ Penn', Gane se mostrou tão à vontade, que até revelou qual estratégia vai utilizar diante de Ngannou. Além disso, o francês, empolgado com sua invencibilidade no MMA e pelas atuações dominantes no UFC, projetou ter o mesmo nível de performance contra o rival. De acordo com 'Bon Gamin', a força e poder de 'The Predator' não vão superar sua técnica e versatilidade no octógono.

"Me lembro de seu poder. Não temos surpresas, você tem um cara como eu, com boa movimentação e técnico e um cara como ele, que é mais forte e poderoso. Isso é um jogo para mim, é por isso que não tenho medo do poder dele. Toda vez que entro no octógono, sei que posso vencer a luta, mas também tenho que estar ciente de que posso ser nocauteado. O maior problema que tenho com Ngannou é seu poder. Ele sabe como usar. É por isso que ele é realmente perigoso, porque está confiante em seu poder. Meu primeiro problema será administrar a distância. Comecei no MMA há cerca de quatro anos", declarou Gane, antes de completar.

"Meu plano era controlar a distância para escapar do jogo de wrestling, do jogo de chão, tudo. Hoje, essa é a minha força e isso vai me ajudar contra Ngannou. Tudo é possível. Não sei exatamente o que vou fazer. Se eu achar que é uma boa escolha derrubar, vou tentar derrubá-lo. Não há surpresas no meu jogo, faço exatamente o que faço em cada luta. Tocar nele e não ser tocado, administrar a distância e veremos o que acontece. Se for possível, vou acabar com ele com certeza. É por isso que as pessoas estão tão empolgadas, porque eu nunca perdi e, embora ele já tenha perdido, ninguém venceu Ngannou pela via rápida. Se eu ou Francis cairmos antes que a luta termine, será a primeira vez em nossa carreira", concluiu.

Ciryl Gane, de 31 anos, migrou para o MMA em 2018, um ano depois, chegou ao UFC e se tornou um dos principais nomes do peso-pesado. Pela organização, o francês passou por sete oponentes e seus maiores triunfos foram diante de Alexander Volkov, Derrick Lewis, Jairzinho Rozenstruik e Junior 'Cigano'. Atualmente, 'Bon Gamin' está invicto no esporte, com dez vitórias, é campeão interino da categoria e se encontra na primeira posição no ranking da divisão, abaixo apenas de Francis Ngannou.

Esporte