PUBLICIDADE
Topo

MMA


MMA

Jake Paul aprova possível luta com Nate Diaz no boxe: "Vou espancá-lo"

Jake Paul durante sua estreia como boxeador profissional, em Miami (EUA) - Icon Sportswire via Getty Images
Jake Paul durante sua estreia como boxeador profissional, em Miami (EUA) Imagem: Icon Sportswire via Getty Images

Ag. Fight

15/11/2021 14h03

Com quatro vitórias seguidas no boxe, Jake Paul atingiu uma grande popularidade na modalidade neste último ano e atraiu a atenção e os olhares de grandes lutadores pelo mundo. Ao site 'TMZ Sports', o americano, que tem duelo marcado diante de Tommy Fury, no próximo dia 18 de dezembro, comentou a possibilidade de encarar um astro do UFC.

O nome em questão seria de Nate Diaz, que só tem mas uma luta no seu contrato com o Ultimate e, dessa maneira, pode tentar se aventurar na nobre arte após seu próximo compromisso. Atento a esse cenário, Jake Paul tratou de provocar o desafeto.

Quando foi questionado se faria sentido um confronto diante de Nate, principalmente pelo fato do lutador do UFC ser conhecido por golpear bem e ter bastante resistência nos golpes, Paul deixou essa possibilidade em aberto e debochou do possível adversário, menosprezando seu jogo.

"Por conta de quem? (Nate Diaz) tem as melhores mãos? Quem disse isso? Esse cara tem cerca de 40 derrotas em seu histórico. (Mas) sim, com certeza (toparia essa luta). Vou espancá-lo sem problemas. Eu vou em Stockton dar um tapa nesse m****", afirmou.

A última apresentação de Jake Paul no boxe aconteceu em agosto deste ano, quando ele venceu Tyron Woodley, por decisão dividida. Com o triunfo, o americano manteve a invencibilidade no boxe profissional após quatro atuações. Antes de vencer o ex-campeão do Ultimate, o youtuber havia superado o astro da internet AnEsonGib, o ex-jogador da NBA Nate Robinson e o ex-campeão do Bellator e do ONE Championship Ben Askren.

Por outro lado, Nate Diaz é um dos lutadores de maior popularidade no MMA atual, mas vive má fase. O atleta perdeu três das últimas quatro lutas que disputou, sendo a mais recente realizada em junho, contra Leon Edwards, por pontos, no UFC 263.

MMA