PUBLICIDADE
Topo

MMA


MMA

Gregory Robocop vence sul-coreano por nocaute; Tabatha supera estreante

Gregory Rodrigues vence Jun Yong Park pelo UFC Vegas 41 - Reprodução/Instagram
Gregory Rodrigues vence Jun Yong Park pelo UFC Vegas 41 Imagem: Reprodução/Instagram

Diego Ribas, em Las Vegas (EUA)

Ag. Fight

23/10/2021 17h18

Gregory Rodrigues, o Robocop, encerrou o card preliminar do UFC Vegas 41 com uma vitória impressionante. No evento hoje, em Las Vegas (EUA), Robocop enfrentou Jun Yong Park, deu show no primeiro round e nocauteou o sul-coreano pelo peso médio (84 kg).

Já Tabatha Ricci conseguiu sua primeira vitória no UFC, sobre estreante Maria de Oliveira Neta, pelo peso palha (52 kg). Mais cedo, Daniel Miojo e Lívia Souza perderam suas lutas.

Aos 29 anos, Gregory soma onze vitórias, sendo nove pela via rápida, e três derrotas na carreira. No UFC, Robocop disputou duas lutas, venceu ambas e passou a ser visto por parte da comunidade do MMA como um nome promissor no peso médio. O atleta se destaca pelo bom nível na trocação e pela capacidade de absorver os golpes dos adversários.

É bem verdade que Tabatha, de 26 anos, pediu para o UFC criar o peso átomo (48 kg), já que é menor que as demais competidoras do peso palha, porém a atleta mostrou seu valor. No evento, "Baby Shark" se recuperou contra Maria, após estrear com derrota na maior organização de MMA do mundo. Agora, seu cartel é composto por seis vitórias e um revés.

Robocop brilha

O início de combate foi estudado, com Robocop soltando seu jogo aos poucos, com jab e chute baixo. Em resposta, Park aplicou chute e jab. Na sequência, o brasileiro atacou, fez valer sua maior desenvoltura em pé e levou perigo ao acertar um cruzado. Maior que o oponente, Gregory acertou uma cotovelada e uma sequência de jab e direto. Visivelmente desconfortável em pé, Park recuou. Senhor do confronto, o Robocop quedou o adversário com facilidade e pegou as costas do mesmo. Em posição favorável, o atleta tentou finalizar, mas optou por golpear Park, que apenas resistiu.

No segundo assalto, o sul-coreano foi mais agressivo e aplicou uma blitz em Robocop, que balançou e quase caiu. Ao perceber que o brasileiro estava mal, o asiático levou a luta para o solo e tentou finalizar, mas perdeu a posição. Após o susto, Gregory se levantou, porém foi golpeado novamente. Por sorte, o atleta caiu por cima e pegou as costas do oponente, mas perdeu a posição. Cansado, Robocop recebeu diversos socos de Park e parecia que seu fim estava próximo, porém resistiu de forma surpreendente e, mesmo em péssimas condições, atacou e deu números finais ao confronto ao nocautear o duro rival, que sentiu o peso de sua mão e não resistiu.

Tabatha vence a primeira

Menor que a adversária, Tabatha partiu com tudo para a queda logo no início do duelo, mas não conseguiu. Em pé, a paulista baseou seus ataques nos socos e Maria nos chutes. Na sequência, a niteroiense aplicou uma bonita combinação na rival, porém recebeu um golpe limpo como resposta. Na grade, Tabatha travou o combate, mas perdeu a posição. Tranquila em pé, a representante da equipe "PRVT" apostou no volume, enquanto 'Baby Shark' era só poder. No final do round, Tabatha derrubou a oponente, a controlou, mas não conseguiu ser efetiva por cima.

No segundo assalto, Maria iniciou de forma mais agressiva, na base dos jabs e nos golpes na linha de cintura. Sem conseguir se aproximar, Tabatha tentou grudar na adversária de qualquer jeito, mas foi contida pela movimentação da mesma. Após muito tentar, 'Baby Shark' quedou, montou e puniu a oponente no 'ground and pound'. Sem se desesperar, Maria se levantou, mas não foi eficaz na trocação e, novamente, foi derrubada por Tabatha. Por cima, 'Baby Shark' apenas controlou a rival.

Na terceira e decisiva parcial, Maria caçou Tabatha, que apenas caminhava para trás. Mais talentosa na trocação, a estreante no UFC mostrou sua superioridade em pé, porém, em um momento de deslize, foi derrubada por Tabatha. Especialista no grappling, 'Baby Shark' estabilizou a posição no solo e aplicou uma sequência de socos. Após a striker se levantar, a paulista, novamente, a levou para o chão e ficou por cima, alternando socos e cotoveladas. Depois dos 15 minutos de luta, os juízes laterais deram a vitória para Tabatha por decisão unânime.

Acompanhe os resultados do UFC Vegas 41:

Gregory Robocop nocauteou Jun Yong Park no 2º round;
Mason Jones venceu David Onama por decisão unânime;
Tabatha Ricci venceu Maria de Oliveira Neta por decisão unânime;
Jamie Pickett venceu Laureano Staropoli por decisão unânime;
Jai Herbert nocauteou Khama Worthy no 2º round;
Jeff Molina nocauteou Daniel Miojo no 2º round;
Randa Markos venceu Livinha Souza por decisão unânime;
Jonathan Martinez venceu Zviad Lazishvili por decisão unânime.

MMA