PUBLICIDADE
Topo

MMA


MMA

Paulo Borrachinha revela lesão antes da luta e questiona derrota no UFC

Marvin Vettori vence Paulo Costa, o Borrachinha, no UFC Vegas 41 - Reprodução/Instagram
Marvin Vettori vence Paulo Costa, o Borrachinha, no UFC Vegas 41 Imagem: Reprodução/Instagram

Diego Ribas, em Las Vegas (EUA)

Ag. Fight

23/10/2021 21h55

Depois de dias conturbados, que envolveram a mudança de categoria de sua luta contra Marvin Vettori no main event do UFC Vegas 41, neste sábado (23), Paulo 'Borrachinha' protagonizou um confronto emocionante. Tanto que, após ser derrotado nas papeletas de todos os jurados, ele deixou claro sua confiança na vitória.

Durante coletiva de imprensa realizada logo após o show, o atleta afirmou que, na sua visão e na de seu time, sua performance foi suficiente para garantir o triunfo. Melhor no segundo e quinto assaltos de acordo com os jurados, Borrachinha também parecia confiante em sua superioridade no round inicial, além de questionar a punição recebida após aplicar uma dedada no olho de Vettori.

"Realmente, acho que venci. O árbitro é muito bom, mas não entendi porque ele tirou um ponto logo na primeira interrupção", questionou o brasileiro, usando óculos escuros e exibindo em seu rosto as marcas da guerra de cinco assaltos travadas.

Na mesma coletiva de imprensa, Borrachinha também comentou sobre uma lesão sofrida durante seu treinamento para o combate. A contusão no bíceps, que foi operado em duas ocasiões em 2019, também teria sido responsável pela dificuldade em cortar peso, o que resultou na mudança da categoria de peso para os meio-pesados (93 kg).

"Fiz duas cirurgias no meu braço esquerdo em 2019, e isso requer muito tempo de fisioterapia para voltar todos os movimentos, e tem uma série de sequelas que temos que ir tirando. Estou trabalhando nesse período todo e estamos perto de concluir esse trabalho e vou poder ter sequências de lutas", resumiu, antes de relatar a dificuldade em cortar peso sem poder treinar com potência máxima.

"Eu não consegui chegar mais leve porque não pude treinar como eu preciso para bater o peso. Eu preciso treinar muito, minha equipe sabe, é muito difícil. Fiquei três semanas fora de treinamento e por isso não pude bater o peso. Mas nunca deixei de bater o peso antes", finalizou.

MMA