PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Vettori promete não se abalar com mudança de luta com 'Borrachinha' para o peso-casado

Ag. Fight

Ag. Fight

21/10/2021 11h40

A luta entre Marvin Vetori e Paulo Costa, que já era importante para o peso-médio (84 kg), ficou ainda mais ao ganhar contornos dramáticos. Na última quarta-feira (20), 'Borrachinha' assustou parte da comunidade do MMA ao anunciar que não conseguiria se apresentar em condições adequadas para o combate, válido pelo UFC Vegas 41, que acontece neste sábado (23), porém o italiano, que não dispensa uma boa briga, concordou em enfrentá-lo em peso-casado.

No 'media day' do UFC Vegas 41, Vettori ignorou o problema com o peso de 'Borrachinha' e focou na luta em si. De acordo com o integrante da 'Kings MMA', o contratempo não vai impedir o brasileiro de atuar no evento ou torná-lo menos agressivo no octógono. Pelo contrário, o italiano informou que espera a melhor versão do mineiro na organização, já que o mesmo busca apagar a má impressão deixada no duelo contra Israel Adesanya. No entanto, apesar de admitir que o rival é perigoso, 'The Italian Dream' garantiu que está preparado e motivado a punir o mesmo pelo fato de não cumprir o estipulado em seu contrato.

"Não sei o que fazer com a mentalidade dele. Pode ser tudo falsa confiança e tenho que esperar a melhor versão dele, mesmo que seu peso não seja bom. Ele não tem postado muito, então ainda espero a melhor versão dele, mas estou pronto. Não vou deixar esse tipo de tensão pré-luta me abalar em certo sentido. Estarei pronto para enfrentar a melhor versão dele", comentou Vettori, antes de completar.

"Pode ser um sinal ruim para sua mentalidade, é meio difícil negar isso. Mas, ao mesmo tempo, não posso deixar isso subir à minha cabeça, achar que ele não estará pronto, isso e aquilo. Não. Espero que ele seja o melhor que já foi e ele está realmente mais pesado do que nunca. Tenho que vencer da pior maneira que alguém o derrotou. Isso é o que está em minha mente", concluiu.

Apesar da juventude, Marvin Vettori, de 27 anos, já se transformou em um dos melhores lutadores do peso-médio do UFC e disputou o título da categoria. Atualmente, o italiano se encontra em quinto no ranking da divisão. Em sua carreira no MMA, iniciada em 2012, o atleta, pupilo de Rafael Cordeiro, venceu 17 lutas, perdeu cinco e empatou uma vez. Seus principais triunfos foram diante de Jack Hermansson e Kevin Holland.

Esporte