PUBLICIDADE
Topo

Esporte

'Do Bronx' relembra jornada até o topo do UFC: "Sabia que minha hora chegaria"

Ag. Fight

Ag. Fight

14/05/2021 06h00

Charles Oliveira está prestes a fazer história no UFC. Neste sábado (15), 'Do Bronx' vai disputar o título vago do peso-leve (70 kg) na edição de número 262, que acontece em Houston (EUA), e pode se tornar o segundo atleta brasileiro a alcançar tal status na categoria. No entanto, a carreira do paulista não é composta apenas por momentos gloriosos e o próprio lutador faz questão de lembrar ocasiões delicadas.

Na coletiva de imprensa pré-UFC 262, realizada na última quinta-feira (13), Charles, que estreou no UFC em 2010, analisou sua jornada até o ponto de disputar o cinturão do peso-leve da organização. Ao longo de sua caminhada, o brasileiro, assim como todo lutador, alternou vitórias e derrotas na carreira, porém, em certo momento, parte dos fãs exagerou nas críticas e se mostrou desacreditada no desenvolvimento do paulista no MMA.

Entretanto, o faixa-preta de jiu-jitsu não desistiu, conseguiu se reerguer e se transformou em um dos principais representantes do Brasil no esporte. De acordo com Charles, o sucesso no UFC era apenas uma questão de tempo para ser alcançado. Hoje, 'Do Bronx' ostenta recordes impressionantes na maior organização de MMA do mundo e o lutador está confiante de que vai ampliar seus feitos na modalidade.

"São 11 anos de história no UFC. Acertei, errei, aprendi e estou muito feliz com a oportunidade que tenho hoje. Entrei para fazer história no UFC. Sabia que minha oportunidade iria chegar. A luta é assim e você tem que aprender. Eu aprendi com a derrota, procurei evoluir. Queria lutar contra os primeiros e aconteceu. Estou muito feliz. É um legado. Na primeira entrevista, lembro que falei que queria fazer história. Estou fazendo história", declarou Charles, antes de completar.

"Sou o maior finalizador, o segundo recordista de bônus e quero ampliar meu legado. Quero mostrar que posso lutar contra esses campeões, com os grandes nomes. Quero que meu nome entre no Brasil como os grandes campeões, Anderson Silva, José Aldo, entre outros, do jeito que sou humilde, respeitador. Estou aproveitando o momento. Lutei com grandes nomes, são oito vitorias seguidas. Estou tranquilo e será perfeito", concluiu.

Charles Oliveira vive um momento mágico no UFC. Atualmente, 'Do Bronx', de 31 anos, se encontra na terceira posição no ranking do peso-leve e possui oito vitórias seguidas, sendo cinco por finalização e duas por nocaute. Além disso, o brasileiro é o recordista de finalizações na história da organização (14 vezes), também é o atleta mais vitorioso pela via rápida (16) e o segundo com mais bônus (16 contra 18 de Donald Cerrone). Seus triunfos de maior destaque no MMA foram diante de Clay Guida, Jeremy Stephens, Jim Miller, Kevin Lee, Tony Ferguson

Esporte