PUBLICIDADE
Topo

MMA


MMA

Glover Teixeira comemora chance de disputar título e promete cinturão

Glover Teixeira vai ter chance de lutar pelo cinturão - William Lucas/inovafoto
Glover Teixeira vai ter chance de lutar pelo cinturão Imagem: William Lucas/inovafoto

Ag. Fight

Ag. Fight

15/04/2021 14h08

Demorou, mas, enfim, Glover Teixeira ganhou uma nova oportunidade de disputar o cinturão dos meio-pesados (93 kg) do UFC. Na última quarta-feira (14), Dana White, presidente da organização, em entrevista à 'ESPN' americana, confirmou que o veterano vai enfrentar Jan Blachowicz, campeão da categoria, na edição de número 266, que acontece no dia 4 de setembro. Após o anúncio feito pela companhia, o brasileiro se pronunciou.

Em suas redes sociais, Glover expressou toda sua felicidade com a posição alcançada nos meio-pesados e comemorou a valorização de seu trabalho por parte do UFC. Para conquistar o direito de disputar o cinturão da categoria, o brasileiro teve que superar cinco adversários bem mais jovens. O veterano compensou a diferença de idade com sua experiência no esporte e impressionou ao ser dominante no octógono por mesclar as modalidades.

A trajetória de Glover nos meio-pesados teve tanto destaque, que o próprio Blachowicz e até mesmo Jon Jones pediram para o brasileiro lutar pelo cinturão. Vale lembrar que, antes de enfrentar Israel Adesanya, o polonês tratava o veterano como possível adversário e, após vencer a superluta contra o nigeriano, sinalizou que o atleta seria seu próximo desafiante. Já 'Bones', antigo rei da divisão, também declarou torcer pelo mineiro na corrida pelo título. Empolgado com o apoio de parte da comunidade do MMA, Glover garantiu que vai se tornar campeão do UFC.

"Trabalho duro compensa. Estou tão feliz e pronto. No dia 4 de setembro, serei campeão dos meio-pesados do UFC", escreveu Glover em sua conta oficial no 'Twitter'.

Ao longo de sua trajetória no MMA, Glover Teixeira, de 41 anos, impressionou tanto dentro, quanto fora do UFC e se tornou um dos grandes nomes dos meio-pesados. Inclusive, o brasileiro já lutou pelo cinturão da categoria. Em 2014, o mineiro enfrentou Jon Jones, perdeu por decisão unânime e, consequentemente, a invencibilidade na companhia.

Na atual temporada, Glover foi escalado pelo UFC como reserva imediato da luta entre Jan Blachowicz e Israel Adesanya. Agora, o brasileiro se consolidou como desafiante dos meio-pesados e o duelo vai colocar frente a frente os dois atletas mais velhos no top-15 da divisão. Atualmente, o mineiro ocupa a primeira posição no ranking da categoria, atrás apenas do campeão polonês.

MMA