PUBLICIDADE
Topo

MMA


MMA

Dana White confirma Glover Teixeira como próximo desafiante ao cinturão

Glover Teixeira derruba Marreta durante vitória no UFC - Jeff Bottari/Zuffa LLC via Getty Images
Glover Teixeira derruba Marreta durante vitória no UFC Imagem: Jeff Bottari/Zuffa LLC via Getty Images

Ag. Fight

Ag. Fight

07/03/2021 05h50

Não há dúvidas de que a vitória de Jan Blachowicz sobre Israel Adesanya neste sábado (6), na luta principal do UFC 259, foi benéfica para a carreira do brasileiro Glover Teixeira. Escalado como reserva para a disputa de cinturão dos meio-pesados (93 kg), o atleta foi confirmado como próximo desafiante ao título.

Apesar de ser o atual número um do ranking e estar embalado por cinco vitórias seguidas no octógono, o brasileiro via no hipotético triunfo de Adesanya, campeão dos pesos-médios (84 kg), a possibilidade de 'ficar para trás'. Afinal, caso se tornasse campeão de duas categorias, o nigeriano poderia escolher entre defender um de seus títulos ou tentar outra superluta, desta vez contra Jon Jones. Cenário que foi afastado por Dana White, presidente do show, na coletiva de imprensa após o show.

"Sim, o Glover (Teixeira) é o próximo, 100%", confirmou de forma direta o cartola, que fez questão de elogiar o polonês pelo seu desempenho em sua primeira defesa de cinturão do UFC.

Curiosamente, Blachowicz ainda teve tempo para surpreender o dirigente. De acordo com Dana, logo após o final da luta o atleta o teria acusado, talvez de forma séria, talvez brincando, de não acreditar em seu potencial.

"Coloquei o cinturão nele e ele disse: 'Você não acredita em mim'. Caramba, o que eu fiz de errado? (risos). Esses caras são, deixa eu ver a palavra certa... Eles são muito loucos, isso sim (risos)", ironizou o presidente do UFC.

MMA