PUBLICIDADE
Topo

MMA


MMA

Borrachinha e Adesanya trocam provocações logo após derrota do nigeriano

Paulo Borrachinha comemora vitória no UFC 212 - Jeff Bottari/Zuffa LLC/Zuffa LLC via Getty Images
Paulo Borrachinha comemora vitória no UFC 212 Imagem: Jeff Bottari/Zuffa LLC/Zuffa LLC via Getty Images

Ag. Fight

Ag. Fight

07/03/2021 06h25

A rivalidade entre Paulo 'Borrachinha' e Israel Adesanya parece estar longe de terminar. Neste sábado (6), o nigeriano foi superado pelo polonês Jan Blachowicz no UFC 259, perdeu a chance de se tornar campeão de duas categorias e ainda deu adeus à invencibilidade no esporte. Mas, apesar disso, sua primeira fala ao final do confronto foi direcionada ao brasileiro.

Entrevistado pelo canal ESPN dos EUA, Adesanya iniciou a conversa usando a transmissão na TV para provocar o rival. Para isso, ele mostrou uma garrafa e mencionou que deveria ter bebido uisque na noite anterior, fazendo alusão à declaração de Borrachinha, que afirmou ter consumido uma garrafa de vinho horas antes do duelo entre eles, em 2020.

"Não consegui dormir na noite passada e o Bruce Buffer me deu uma dessas. Provavelmente, eu deveria ter tomado um desses, eu teria dormido melhor", ironizou, com uma garrafa de uisque que leva o nome do announcer do UFC.

Sem perder tempo, Borrachinha utilizou suas redes sociais (veja aqui) para tirar onda com seu rival, que havia sofrido sua primeira derrota no MMA - mesma situação do brasileiro após o duelo contra Adesanya, em setembro de 2020.

"Magrelo, você estava bêbado também?", provocou o peso-médio (84 kg) mineiro, que horas antes havia demonstrado bom-humor para ironizar a repercussão de sua declaração ao postar uma foto com uma taça de vinho (veja aqui)

"Hoje tem UFC. Brincadeiras à parte, se for dirigir não beba, se for lutar também não. Apenas em casos de emergência", declarou.

View this post on Instagram

A post shared by Paulo Costa (@borrachinhamma)


Acompanhe os resultados do UFC 259:

Jan Blachowicz venceu Israel Adesanya por decisão unânime;
Amanda Nunes finalizou Megan Anderson no 1º round.
Aljamain Sterling venceu Petr Yan por desclassificação;
Islam Makhachev finalizou Drew Dober no 3º round;
Aleksandar Raki? venceu Thiago 'Marreta' por decisão unânime;
Dominick Cruz vs.venceu Casey Kenney por decisão dividida;
Kyler Phillips venceu Song Yadong por decisão unânime;
Askar Askarov venceu Joseph Benavidez por decisão unânime;
Kai Kara-France nocauteou Rogério Bontorin no 1º round;
Tim Elliott venceu Jordan Espinosa por decisão unânime;
Kennedy Nzechukwu nocauteou Carlos Ulberg no 2º round;
Sean Brady finalizou Jake Matthews no 3º round;
Amanda Lemos nocauteou 'Livinha' Souza no 1º round;
Uros Medic nocauteou Aalon Cruz no 1º round;
Trevin Jones nocauteou Mario Bautista no 2º round.

MMA