PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Marlon Moraes aposta em finalização de Sterling sobre Petr Yan no UFC 259

Ag. Fight

Ag. Fight

03/03/2021 07h30

O UFC 259, evento que acontece neste sábado (6) em Las Vegas (EUA), tem como um dos destaques o duelo entre Petr Yan e Aljamain Sterling, válido pelo cinturão do peso-galo (61 kg) da organização. Por isso, a reportagem da Ag. Fight procurou Marlon Moraes, um dos grandes nomes da divisão e que já nocauteou o desafiante, para analisar o confronto.

Em dezembro de 2017, Marlon Moraes enfrentou Aljamain Sterling e conseguiu a vitória de forma espetacular, com nocaute via joelhada voadora logo no round inicial. Desde então, o americano retomou sua boa fase e engatou cinco triunfos seguidos até disputar o título da divisão. Por conhecer bem as qualidades e os perigos do lutador, o brasileiro apostou na vitória do desafiante sobre Yan e arriscou o palpite.

"Acredito que quanto mais a luta passar, menos chances o Sterling vai ter, mas acho que ele vai conseguir finalizar o Petr Yan. É uma luta difícil, mas com o jogo de wrestling dele, vai conseguir se embolar com o Yan e não sei se nessa hora o Yan vai escapar dos ataques dele na parte de grappling. O Sterling tem um bote na posição de triângulo de braço muito bom, também pega muito bem as costas. Quando pega (as costas) é difícil tirá-lo de lá, porque fica muito confortável", explicou o brasileiro de 32 anos.

Caso acerte seu palpite e Sterling seja campeão, Marlon Moraes pode ficar em uma boa posição para voltar a lutar pelo cinturão da categoria. O fato de ser o último algoz do americano pode valorizar uma possível revanche no futuro. Embora esteja ciente desse cenário, o brasileiro revelou o motivo de achar justo que 'Funk Master' fique com o título.

"Acho bacana cada um ter seu momento, de conseguir encostar naquele cinturão. Não é minha torcida, mas acho que seria muito merecido (o Sterling ser campeão). Sem ego mesmo da minha parte por tê-lo nocauteado e ele ter dado a volta por cima e ser campeão. Ele merece pelo o que passou, a maneira como ele foi nocauteado por mim, deu a volta por cima, pegou adversários duros e sempre achou uma maneira de vencê-los. Acho que por essa história de volta por cima merece", disse o ex-desafiante ao título.

No MMA profissional desde 2007, Marlon Moraes soma 23 vitórias, oito derrotas e um empate em sua carreira. O lutador, que já lutou pelo cinturão do peso-galo do UFC em 2019, perdeu três vezes por nocaute nas últimas quatro lutas que disputou (Henry Cejudo, Cory Sandhagen e Rob Font), vencendo apenas José Aldo, em duelo que aconteceu em dezembro de 2019, por decisão dividida dos jurados.

Esporte