PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Conor McGregor revela razão de ter anunciado sua aposentaria do MMA

Ag. Fight

Ag. Fight

18/01/2021 20h12

Conor McGregor é um lutador de MMA que possui  fama, dinheiro e conquistas, mas, mesmo com tanto poder, não está livre de passar por momentos delicados. Fora do octógono, o astro irlandês se envolveu em diversas polêmicas ao mesmo tempo em que se afastou das competições. Depois de anunciar a aposentadoria do esporte em junho, o ex-campeão do peso-pena (66 kg) e do peso-leve (70 kg) do UFC vai voltar à ação diante de Dustin Poirier na edição de número 257, evento que acontece no dia 23 de janeiro, na 'Ilha da Luta', em Abu Dhabi (EAU). Renovado após o período afastado, 'Notorious', como o atleta é conhecido, explicou o que o levou a tomar tal decisão.

Em entrevista à 'ESPN' americana, McGregor revelou que se aposentou do MMA devido a sua frustração com o UFC. Vale lembrar que a última aparição do ex-campeão da organização ocorreu em janeiro de 2020, quando nocauteou Donald Cerrone em 40 segundos, mas o que aconteceu depois foi um desgaste na relação entre a estrela do esporte e Dana White. O acerto entre as partes demorou para ser selado, mas, finalmente, se concretizou e possibilitou o retorno de 'Notorious' à companhia. O irlandês lamentou o fato de não ter atuado mais vezes, sinalizou que o problema poderia ser evitado e mencionou que tanto ele quanto a empresa foram prejudicados. Ao mesmo tempo, o profissional esclareceu que tudo voltou ao normal e garantiu foco na luta.

"O UFC foi contra o que eu dizia para mostrar algum tipo de poder. Eu estava satisfeito, mas não muito com meu início. Estava pronto para continuar, mas não foi assim. Tivemos muitas conversas sobre voltar e estava ansioso para isso. Eu queria voltar. Me aposentei por causa da frustração. Quando você está tentando fazer as coisas andarem e isso simplesmente não acontece. Pareceu que fui arquivado. Se eu tivesse atuado mais vezes naquele ano, não apenas meu conjunto de habilidades estaria mais afiado, como também estamos falando de 800 milhões de receita para a empresa. Certamente foi por frustração, mas o passado é o passado. Estou em uma ótima situação, animado para voltar e é nisso que estou me concentrando: o lado positivo e o futuro", declarou McGregor.

Conor McGregor, de 32 anos, é o principal nome do UFC e possui uma legião de fãs no MMA. O astro irlandês estreou na organização em 2013, se transformou em um fenômeno e conquistou o cinturão do peso-pena e do peso-leve. Suas vitórias mais marcantes no esporte foram diante de Chad Mendes, Donald Cerrone, Dustin Poirier, Eddie Alvarez, José Aldo, Max Holloway e Nate Diaz. Atualmente, o atleta ocupa a quarta posição no ranking dos leves.

Esporte