PUBLICIDADE
Topo

Esporte

'Floyd vai acabar com ele', prevê Mike Tyson sobre luta com youtuber

Mike Tyson cumprimenta Roy Jones Jr. durante luta que marcou seu retorno aos ringues recentemente - Joe Scarnici/Getty Images for Triller
Mike Tyson cumprimenta Roy Jones Jr. durante luta que marcou seu retorno aos ringues recentemente Imagem: Joe Scarnici/Getty Images for Triller

Ag. Fight

31/12/2020 06h00

Após realizar seu retorno aos ringues em novembro, diante de Roy Jones Jr., em duelo amistoso e que terminou empatado, Mike Tyson surpreendeu e indicou que os youtubers Jake e Logan Paul foram importantes para o boxe dar a volta por cima e recuperar o prestígio. Tanto é que, no dia 20 de fevereiro, Logan vai lutar contra, simplesmente, Floyd Mayweather, um dos principais pugilistas da história do esporte. Mas se Tyson elogiou as celebridades da internet pela visibilidade que oferecem, não inventou ao analisar o inusitado duelo.

Ao participar do podcast "imPaulsive", do próprio Logan Paul, Tyson respondeu às perguntas dos apresentadores e foi curto e grosso ao dar seu palpite para o combate, justamente, na presença do youtuber. Se o ex-boxeador, Victor Ortiz, garantiu que a personalidade da internet vai causar problemas a Mayweather, a lenda dos ringues cravou que a celebridade não sabe no que está se metendo e elogiou a reputação e a dedicação do veterano.

"Floyd vai acabar com ele (Logan)! Vai ser bom, vai ser bom, mas ele vai lutar. Ele está aposentado, mas continua indo para a academia treinar. Floyd é um dos melhores da história", declarou Tyson.

Logan Paul, de 25 anos, realizou apenas duas lutas de boxe em sua breve carreira. Na primeira, ainda em uma disputa em caráter amador, o youtuber empatou com o rapper inglês KSI. Na revanche, com regras profissionais, o americano perdeu por decisão dividida.

Floyd Mayweather, de 43 anos, é um dos principais nomes da história do boxe, disputou 50 lutas em sua carreira profissional e venceu todas, sendo 27 delas por nocaute. Suas maiores vitórias no esporte foram diante de Saul 'Canelo' Álvarez, Manny Pacquiao, Oscar De La Hoya, entre outros. O veterano se aposentou em 2017, quando nocauteou Conor McGregor no décimo round.

Esporte