PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Demetrious Johnson agradece Adesanya por considerá-lo melhor lutador da história

Ag. Fight

Ag. Fight

03/12/2020 07h00

Como não poderia ser diferente, a discussão a respeito de quem é o melhor lutador da história do MMA segue em pauta e, desta vez, foi Israel Adesanya quem opinou. Para o campeão do peso-médio (84 kg) do UFC, o principal candidato ao posto é Demetrious Johnson, ex-número um do peso-mosca (57 kg), atualmente no ONE Championship, que ao saber disso não escondeu a felicidade ao ver seu trabalho reconhecido por um companheiro de profissão.

Em entrevista ao site 'MMA Fighting', Demetrious agradeceu Adesanya por ter colocado seu nome no lugar mais alto do esporte e retribuiu o elogio. O norte-americano afirmou que considera o nigeriano talentoso e um possível candidato a entrar nesta disputa no futuro, caso mantenha seu nível de atuação.

"Acho isso incrível. Não tenho nada além de respeito por Adesanya e disse isso a ele depois do que fez a Paulo (Borrachinha), 'Se você continuar tendo apresentações como essa, você estará no caminho certo'. Do jeito que ele o desmontou, é muito raro que um lutador faça algo em uma luta que me faça pensar a respeito e o que ele fez com Paulo, eu fiquei tipo, 'Simples. Movimentação. Essa é a maneira mais fácil de anular a trocação de Paulo'. O que ele fez com o (Uriah) Hall e (Yoel) Romero, não conseguiu com Adesanya, por causa da movimentação", elogiou Demetrious.

Aparentemente empolgado com a trajetória do campeão dos médios, Demetrious indicou o cenário que Adesanya deve percorrer para se tornar o maior lutador da história do esporte. Curiosamente, o ex-campeão do UFC apontou o triunfo do atleta sobre o brasileiro Paulo 'Borrachinha' como exemplo de atuação a ser seguida, além de citar um curioso diferencial que o nigeriano possui.

"Adesanya me impressiona o tempo todo. Depois que ele nocauteou Paulo, penso que ele está no caminho certo. Se continuar assim, depois subir para o meio-pesado (93 kg), pesado e lutar contra (Jon) Jones, essas são todas as etapas. Acho que ele vai ficar muito tempo no esporte e será campeão por muito tempo enquanto continuar evoluindo. Ele tem a mentalidade para fazer isso, porque assiste animes. Isso sempre mantém sua mente fresca e evoluindo", finalizou.

Vale lembrar que, mesmo depois de marcar época ao ser o primeiro campeão da história do peso-mosca e quebrar o recorde de defesas de cinturão da companhia, o UFC decidiu trocar Demetrious Johnson por Ben Askren. Atualmente, no ONE Championship, o norte-americano, de 34 anos, já conquistou o GP do peso-mosca e aguarda pela oportunidade de enfrentar o campeão da categoria, Adriano Moraes.

Esporte