PUBLICIDADE
Topo

MMA


MMA

UFC encaminha Deiveson x Moreno para salvar último card numerado do ano

DEiveson Figueiredo comemora vitória sobre Joseph Benavidez no UFC  - Jeff Bottari/Zuffa LLC via Getty Images
DEiveson Figueiredo comemora vitória sobre Joseph Benavidez no UFC Imagem: Jeff Bottari/Zuffa LLC via Getty Images

Diego Ribas, em Las Vegas (EUA)

Ag. Fight

22/11/2020 14h20

A madrugada de hoje foi um dia de fortes emoções para a organização do UFC. Depois de receber a notícia de que o campeão dos pesos-galos (61 kg) Petr Yan foi retirado do evento do dia 12 de dezembro, os promotores do show viram em Deiveson Figueiredo a salvação para o último card numerado da temporada 2021.

Segundo o site russo RT Sports, o corte do atleta, que colocaria seu título em jogo contra Aljamain Sterling, foi motivado por problemas com a retirada do seu visto - a informação foi confirmada pela reportagem da Ag Fight com fontes próximas ao UFC. Por isso, o nome do brasileiro Deiveson ganhou força.

Depois de finalizar Alex Perez no primeiro round hoje, Deiveson foi convocado para defender seu cinturão no dia 12 de dezembro contra Brandon Moreno, mexicano número um do ranking que lutou no mesmo card e venceu Brandon Royval no também no assalto inicial.

Com o acordo verbal selado por ambas as partes, os times agora ajustam detalhes contratuais - o anúncio do confronto foi revelado pela ESPN e confirmado pela reportagem da Ag. Fight. Desta forma, conforme especulado na coletiva de imprensa após o evento, Deiveson deve permanecer na cidade de Las Vegas (EUA) para realizar seu camp e corte de peso.

MMA