PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Irmão aposta em jiu-jitsu afiado de 'Borrachinha' para disputa de cinturão

Ag. Fight

Ag. Fight

24/09/2020 09h00

Cinco anos mais velho do que Paulo 'Borrachinha', Carlos 'Borracha' verá o irmão subir no octógono neste sábado (26) em busca da realização de um sonho pelo qual ambos têm trabalhado há anos: conquistar o cinturão peso-médio (84 kg) do UFC. Diante do campeão Israel Adesanya na luta principal do UFC 253, o lutador mineiro terá, mais uma vez, o apoio fraternal de quem, além de fazer parte da família, é o responsável por afiar o seu jiu-jitsu e comandar os seus camps de preparação.

Em conversa exclusiva com a reportagem da Ag. Fight (veja acima ou clique aqui), Carlos 'Borracha' descartou qualquer nervosismo pelo momento e destacou o trabalho de longa data feito por 'Borrachinha' para chegar no objetivo final. O faixa-preta também garantiu que, caso precise, o irmão estará preparado para demonstrar um jiu-jitsu de alto nível, ainda que sua principal arma seja o poder de seus golpes na luta em pé. Confiante, o ex-lutador apostou em uma vitória do brasileiro por nocaute ou finalização.

"O coração está tranquilo, calmo. Porque, na verdade, é um momento esperado, mas a gente já almeja e planeja chegar nesse momento desde o início da carreira. Na verdade, desde o início das lutas do jiu-jitsu a gente já via os nossos ídolos lutando nos eventos, como o UFC e o Pride. Então, a gente já tinha esse sonho. É o sonho de uma vida, mas estamos muito tranquilos. Trabalhamos muitos anos para isso, o Borrachinha está muito bem preparado fisicamente, tecnicamente, mentalmente. É mais uma luta e a gente vai ser coroado com o cinturão por tudo que nós fizemos", ressaltou 'Borracha', antes de comentar sobre o jiu-jitsu do irmão e apostar em sua vitória pela via rápida.

"O Borrachinha está muito bem preparado para todas as áreas. Se a luta for para o chão, vocês vão ver um jiu-jitsu de alto nível, de alta qualidade, e pode ter certeza que tem tudo para sair uma finalização. Mas ao mesmo tempo, ele tem um poder de nocaute muito grande. Então, se a luta ficar em pé vai ser um nocaute do Borrachinha, se a luta for para o chão vai ter uma finalização. Depende de como vai desenrolar a luta", concluiu.

Invicto no MMA profissional após 13 combates disputados, Paulo 'Borrachinha' encara Israel Adesanya, em disputa pelo cinturão peso-médio (84 kg) do UFC, neste sábado, no main event da edição 253 da companhia, na 'Ilha da Luta', em Abu Dhabi (EAU). Entre seus triunfos, o mineiro possui 11 via nocaute, um por finalização e um por pontos.

Esporte