PUBLICIDADE
Topo

MMA


Luta principal do UFC Londres entre Edwards e Woodley é cancelada

17.mar.2018 - Leon Edwards (direita) em ação contra Peter Sobotta no UFC - Erica Dezonne/ Ag. Fight
17.mar.2018 - Leon Edwards (direita) em ação contra Peter Sobotta no UFC Imagem: Erica Dezonne/ Ag. Fight

Ag. Fight

16/03/2020 10h46

A proibição de eventos com grande aglomeração no Reino Unido, medida adotada para tentar conter o avanço da pandemia de coronavírus, obrigou o UFC a cancelar a exibição que faria em Londres no próximo sábado (21).

Apesar disso, a organização ainda tenta encontrar um novo local, desta vez dentro dos Estados Unidos, para realizar a edição. No entanto, uma coisa é certa: o duelo agendado para a luta principal não será o mesmo.

Ontem, Leon Edwards —que seria um dos protagonistas do "main event" do UFC Londres ao lado de Tyron Woodley— anunciou, via redes sociais, que seu combate havia sido cancelado.

O meio-médio lamentou o ocorrido, mas relembrou que tanto ele quanto membros de seu time não poderiam sair de perto de suas famílias no momento.

Ciente da seriedade do caso, o lutador inglês desejou ainda que todos se mantenham saudáveis e afirmou que torce por uma remarcação da disputa entre ele e o ex-campeão da categoria.

"Na noite passada eu fui dormir ainda com alguma esperança de que o UFC Londres continuaria semana que vem. Eu acordei nessa manhã (domingo) com a notícia de que não vai. Nós estávamos trabalhando com o UFC em possíveis soluções para manter a luta viva, mas infelizmente com uma janela de tempo tão curta, nada foi viável. Eu e meu time somos todos pais, maridos, filhos, irmãos, e nem todos nós podemos deixar nossas famílias no momento. (...) Eu tenho sonhado em liderar um show do UFC no meu país natal desde que eu comecei nesse esporte. Esse cancelamento é verdadeiramente de quebrar o coração. Eu nunca trabalhei tão duro e estive mais preparado do que estou para o maior momento de minha carreira. Mas eu sei que o mundo inteiro está sofrendo agora e isso é maior do que eu, isso é maior do que esportes. Tudo que posso fazer é torcer para que todos vocês se mantenham seguros e cuidando um do outro enquanto nós passamos por isso e seguimos em frente. (...) Estou ansioso para que esse evento seja remarcado quando for seguro fazê-lo, para que Tyron e eu possamos dar o show que todos vocês merecem", escreveu Leon Edwards em sua conta do Instagram.

Além do confronto entre Edwards e Woodley, outros combates previamente agendados para o UFC Londres também precisaram ser cancelados. Além de buscar um novo local para a realização do evento no próximo sábado, o Ultimate tenta completar o card do show, que, no momento, segue cheio de vagas, incluindo uma na luta principal.

Até o momento, a organização ainda não confirmou de maneira oficial se conseguirá seguir o planejamento de seu calendário ou se precisará cancelar definitivamente a edição do próximo final de semana.

MMA