PUBLICIDADE
Topo

MMA


Jan Blachowicz nocauteia Anderson no primeiro round e desafia Jon Jones

 Jan Blachowicz em luta no final de 2019, quando nocauteou Luke Rockhold - Luke Rockhold é nocauteado
Jan Blachowicz em luta no final de 2019, quando nocauteou Luke Rockhold Imagem: Luke Rockhold é nocauteado

Ag. Fight

16/02/2020 01h18

Na luta principal do UFC Rio Rancho, realizado neste sábado (15), Corey Anderson e Jan Blachowicz se enfrentaram de olho em uma chance de disputar o cinturão meio-pesado (93 kg) do Ultimate, atualmente em poder de Jon Jones. E, pelo resultado do combate, o polonês pode ter se credenciado para ser o próximo agraciado com o 'title shot', ao superar o americano por nocaute ainda no primeiro round da peleja.

Logo após nocautear seu adversário, o polonês apontou para Jon Jones, que estava presente na arena, e pediu o 'title shot'. O campeão, empolgado, sorriu e pediu o apoio da plateia. Na entrevista pós-luta ainda no octógono, Blachowicz deixou claro seu desejo de ser o próximo desafiante ao cinturão meio-pesado do UFC.

"Eu provei que eu sou um dos melhores do mundo. Ganhei a revanche, obrigado Corey (Anderson) pela revanche, e provei que sou o próximo desafiante ao título. Vamos falar sobre meu próximo oponente, Jon Jones. (...) Jon Jones, eu quero encontrar você, você é o próximo. Diga o local e a data", desafiou Jan Blachowicz.

Atual número seis no ranking dos meio-pesados, Jan Blachowicz aguarda agora a definição do UFC sobre o próximo desafiante ao cinturão da categoria. Com três triunfos consecutivos sobre rivais renomados, o polonês tem como concorrente pelo 'title shot' Dominick Reyes, que fez uma boa apresentação diante do campeão no último dia 8 de fevereiro, saindo derrotado em decisão controversa dos juízes. Em suas últimas oito lutas, o lutador europeu só foi superado pelo brasileiro Thiago 'Marreta', em fevereiro de 2019.

Confira os resultados do UFC Rio Rancho:

Peso-meio-pesado: Jan Blachowicz venceu Corey Anderson por nocaute;
Peso-meio-médio: Diego Sanchez venceu Michel Pereira por desclassificação (joelhada ilegal);
Peso-mosca feminino: Montana De La Rosa venceu Mara Romero Borella por decisão unânime;
Peso-leve: Brok Weaver venceu Kazula Vargas por desclassificação (joelhada ilegal);
Peso-casado: Ray Borge venceu Rogério Bontorin por decisão unânime;
Peso-leve: Lando Vannata venceu Yancy Medeiros por decisão unânime;
Peso-meio-médio: Daniel Rodriguez venceu Tim Means por finalização;
Peso-galo: John Dodson venceu Nathaniel Wodd por nocaute técnico;
Peso-leve: Scott Holtzman venceu Jim Miller por decisão unânime;
Peso-meio-pesado: Devin Clark venceu Dequan Townsend por decisão unânime;
Peso-galo: Merab Dvalishvili venceu Casey Kenney por decisão unânime;
Peso-galo feminino: Macy Chiasson venceu Shanna Young por decisão unânime;
Peso-mosca: Raulian Paiva venceu Mark De La Rosa por nocaute.

MMA