PUBLICIDADE
Topo

MMA


"Reservas" de brasileiros garantem R$ 200 mil cada em bônus do UFC

James Krause e Trevin Giles, durante luta no UFC 247 - RONALD MARTINEZ/AFP
James Krause e Trevin Giles, durante luta no UFC 247 Imagem: RONALD MARTINEZ/AFP

Ag. Fight

09/02/2020 06h00

Como de costume, os prêmios bônus do UFC foram divulgados logo após o final do show de número 247, nesse sábado (8). Curiosamente, os "reservas" dos brasileiros que estariam presentes no evento foram premiados por suas performances no octógono.

A começar por James Krause, que substituiu Antônio Arroyo - atleta que foi retirado da disputa pelos médicos a cerca de 24 horas do confronto contra Trevin Giles. Mesmo sem tempo para se preparar para o duelo, o veterano colocou sua invencibilidade em jogo e deu show, equilibrando a luta em todos os momentos. Mesmo cansado, Krause ameaçou o adversário com tentativas de queda de finalizações na melhor luta da noite, que rendeu 50 mil dólares (cerca de R$ 200 mil) para os envolvidos.

Como donos da performance da noite, Khaos Williams, que nocauteou Alex Morono no 1º round depois de aceitar a vaga deixada pelo lesionado Dhiego Lima, e Mario Bautista, que nocauteou Miles Johns no 2º round, levaram para casa os mesmo 50 mil dólares cada.

MMA