PUBLICIDADE
Topo

MMA


MMA

Jon Jones revela que mudança para os pesos-pesados do UFC depende dos fãs

Jon Jones concede entrevista - Jeff Bottari/Zuffa LLC/Getty Images
Jon Jones concede entrevista Imagem: Jeff Bottari/Zuffa LLC/Getty Images

Ag. Fight

06/02/2020 18h45

Absoluto na categoria dos meio-pesados (93 kg) do Ultimate, Jon Jones sempre tem seu nome ventilado para uma possível migração para os pesos-pesados. Apesar de normalmente tratar esse tema com cautela, o americano, que nunca descartou completamente essa possibilidade, passou a apontar outra possível motivação que poderia fazê-lo subir de divisão no UFC.

Durante o media day do evento, que aconteceu nesta quinta-feira (6), em trecho transcrito pelo site 'MMA Fighting', Jones destacou que a sua ida para os pesados vai depender da vontade dos fãs. Se o público quiser vê-lo enfrentar os maiores atletas da organização, ele deixa claro que não vai hesitar em cumprir tal desejo, além de apostar que o Ultimate também vai acelerar esse processo.

"Trata-se de dar aos fãs o que eles querem. Ao contrário do boxe, às vezes eles resiste a grandes lutas. Como (Floyd) Mayweather contra (Manny) Pacquaio, que demorou demais (para acontecer). Eu quero fazer parte dos fãs dando o que eles querem, quando querem. Se vocês (fãs) estão querendo que eu vá para a divisão de pesos pesados, acho que o UFC sentirá essa demanda e vamos fazer acontecer", disse o americano, antes de completar que, mesmo ciente das diferenças que vai ter em nova divisão, espera manter seu estilo de lutar.

"Muita coisa está dando certo na divisão de pesos pesados. Eu sinto que sempre haverá uma grande competição, desde que os caras estejam sonhando e aspirando a conseguir grandes coisas. Será o meu trabalho ser um matador de sonhos de certa forma. (...) Tenho muitos anos na divisão de meio-pesados, mas também estou animado para me desafiar", completou.

Neste sábado (8), Jon Jones defende o cinturão dos meio-pesados contra Dominick Reyes, na luta principal do UFC 247. Na organização desde 2008, o americano tem 19 vitórias, uma derrota (por desclassificação, após golpe ilegal) e um 'No Contest' (luta sem resultado).

MMA