PUBLICIDADE
Topo

MMA


Companheiro de equipe prevê um Aldo "fora do comum" em estreia no peso-galo

José Aldo vence o UFC 200 - John Locher/AP
José Aldo vence o UFC 200 Imagem: John Locher/AP

Carlos Antunes, no Rio de Janeiro (RJ)

Ag. Fight

10/12/2019 08h00

Neste sábado (14), José Aldo vai começar a escrever mais um capítulo de sua história no Ultimate. Pela primeira vez, o brasileiro vai atuar no peso-galo (61 kg) da organização em duelo contra Marlon Moraes, no UFC 245.

Essa apresentação gera dúvidas no público, principalmente pela questão do corte de peso do ex-campeão do peso-pena (66 kg). Porém, de acordo com seus companheiros de 'Nova União', o 'Campeão do Povo' está pronto para o desafio.

Em conversa com a imprensa na última semana, que contou com a presença da Ag Fight, na academia 'Upper', no Rio de Janeiro, Léo Santos, que é amigo de longa data de Aldo, destacou que os treinos do colega estão em alto nível, além da mentalidade do ex-campeão do Ultimate, que pela primeira vez estaria focada na dieta.

O também atleta do UFC só coloca em dúvida como será a recuperação do peso do manauara entre a pesagem oficial e a hora da luta.

"Minha única dúvida é como vai estar no dia (da luta), mas pelo o que estou vendo dele treinando vocês podem esperar um Aldo fora do comum. O Aldo nunca fez dieta, antigamente no 66 kg ia para churrascaria, e pela primeira vez está sendo um atleta de verdade. Ele comia hambúrguer e batata frita, mas é porque é um monstro mesmo. Mas agora é só músculo, treinando fortíssimo, rendendo muito. A dificuldade vai ser a recuperação, mas o Dedé contratou bons profissionais. Vejo ele com grandes chances de ser campeão. O modo como ele está tratando isso é fora de série", afirmou Léo, antes de dar seu palpite de como será o resultado deste combate entre Aldo e Marlon.

"Acho que essa luta não dura três rounds não. Mas luta é luta, o Marlon é excelente atleta, um cara duríssimo, de alto nível, mas não dura três rounds", completou o peso-leve da organização.

No UFC 245, Aldo terá a companhia de Ketlen Vieira, representante feminina da equipe no evento, que vai enfrentar Irene Aldana, em duelo válido pelo peso-galo. Para a lutadora, também natural de Manaus, seu colega é uma inspiração a se manter focada nos objetivos e confia no seu sucesso na nova categoria.

"O Junior é um monstro. Às vezes quando estou me sentindo meio para baixo vou me inspirar nele. Ele está voando e tenho certeza que em 2020 ele vai ser campeão peso-galo. Ele está super feliz, brincalhão e contente do que está fazendo. Ele é movido a desafios e vai mostrar para a galera que pode sim", confia.

Após reinar na categoria peso-pena de 2011 a 2015, José Aldo fará sua estreia nos pesos-galos no UFC 245, agendado para o dia 14 de dezembro, em Las Vegas (EUA). E quem dará as 'boas-vindas' ao atleta do 'Nova União' é o ex-desafiante da categoria, Marlon Moraes, que na sua última luta perdeu para o atual campeão Henry Cejudo.

MMA