Topo

MMA


Vicente Luque resiste a castigo, mas é derrotado por Stephen Thompson

Stephen Thompson acerta Vicente Luque durante luta no UFC 244 - Steven Ryan/Getty Images/AFP
Stephen Thompson acerta Vicente Luque durante luta no UFC 244 Imagem: Steven Ryan/Getty Images/AFP

Diego Ribas, em Nova York (EUA)

Ag. Fight

03/11/2019 01h11

Último brasileiro a se apresentar no card do UFC 244, evento realizado na cidade de Nova York (EUA), Vicente Luque e Stephen Thompon fizeram um combate de tirar o fôlego dos presentes no ginásio Madison Square Garden. Disputados apenas em pé, os três rounds foram ditados pela precisão nos golpes do americano e pela valentia e volume de ataques do nosso representante. Infelizmente, ele foi superado, assim como os demais atletas representantes da bandeira verde e amarela na noite deste sábado (2).

Com o resultado, Luque viu sua sequência de seis triunfos ser interrompida, enquanto que o 'Wonderboy' voltou a vencer após sofrer duas derrotas seguidas na carreira. Desta forma, o americano volta ao bolo dos atletas próximos de uma disputa de cinturão, enquanto que seu oponente deu alguns passos para trás no ranking dos meio-médios (77 kg).

A luta

O primeiro round foi marcado tanto pela valentia dos lutadores, que não se furtaram de travar uma disputa franca, quanto pelo elevado nível técnico do combate. Disputado integralmente em pé, o assalto contou com bons momentos para ambos, embora o papel de agressor e dono do centro do octógono tenha sido desempenhado pelo brasileiro, o que favoreceu os famosos contra golpes do americano.

Preciso com os ataques retos e com os chutes circulares, Thompson puniu mais e levou ligeira vantagem no assalto inicial. E esse cenário melhorou mais ainda na etapa seguinte, quando o ritmo do brasileiro diminuiu e o carateca pôde calibrar melhor sua vantagem de envergadura. Com um knockdown, o americano abriu caminho para pressionar o oponente na grade, de onde não conseguiu definir devido aos fortes cruzados de contra golpe do brasileiro.

No terceiro e último round, Stephen aproveitou o cansaço de Luque para atacar em linha reta e da longa distância, de onde voltou a anotar um knockdown. Abatido, Luque sofreu com os chutes na cabeça e foi pressionado nas grades em algumas ocasiões, justamente posição em que, devido aos contra ataques com cruzados, anotou seus melhores momentos - que em nenhum momento abalaram a vantagem do rival, que venceu por decisão unânime.

Monotonia e vaias

Co-main event da noite, Kelvin Gastelum vs. Darren Till foi a grande decepção do card em Nova York. Número quatro do ranking oficial dos pesos-médios (84 kg), o americano não demonstrou a esperada explosão muscular para encurtar a distância diante do mais alto rival britânico, que fazia sua estreia na categoria e que por sua vez parecia não encontrar o tempo ideal de seus ataques. Desta forma, rounds monótonos arrancaram vaias da plateia ao longo dos 15 minutos disputados.

Alguns poucos detalhes explicam a vitória por decisão dividida a favor de Till, que começou pior ao ceder o centro do octógono para o oponente, mas que conectou alguns contragolpes que cortaram o rosto de Kelvin. Além disso, repetidos chutes na perna direita fizeram o americano mancar, o que facilitou o britânico a anotar duas quedas na etapa final e selar o resultado oficial (sempre sob vaias da plateia).

Anotaram a placa?

O card principal do UFC 244 começou de forma brutal. Depois de duas derrotas seguidas, incluindo em sua estreia na divisão dos meio-médios (77 kg), Kevin Lee retornou aos pesos-leves (70 kg) para medir forças contra o invicto, e favorito, Gregor Gillespie. No entanto, toda a expectativa criada em cima do famoso wrestler foram frustradas.

Depois de pouco mais de dois minutos de ação e troca de golpes em pé - equilibrada, mas com ligeira vantagem para Gillespie -, Lee conectou bela combinação simples de direto com chute alto. Este último ataque, que acertou em cheio o rosto do oponente, o levou ao solo desacordado.

Belo triunfo do ex-desafiante ao cinturão dos leves, que prometeu refazer sua carreira na divisão e voltar a disputar o posto de melhor atleta do mundo.

Acompanhe os resultados do UFC 244:

Jorge Masvidal venceu Nate Diaz por interrupção médica;
Darren Till venceu Kelvin Gastelum por decisão dividida;
Stephen Thompson venceu Vicente Luque por decisão unânime;
Derrick Lewis venceu Blagoy Ivanov por decisão dividida.
Kevin Lee nocauteou Gregor Gillespie no 1º round;
Corey Anderson nocauteou Johnny Walker no 1º round;
Shane Burgos nocauteou Makwan Amirkhani no 3º round;
Edmen Shahbazyan nocauteou Brad Tavares no 1º round;
Jairzinho Rozenstruik nocauteou Andrei Arlovski no 1º round;
Katlyn Chookagian venceu Jennifer Maia por decisão unânime;
Lyman Good nocauteou Chance Rencountre no 3º round;
Hakeem Dawodu venceu Julio Arce por decisão dividida.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

MMA