Topo

Esporte


Ngannou endossa discurso de Anthony Johnson e só aceita duelo se for "especial"

Ag. Fight

21/10/2019 08h00

Francis Ngannou está há três combates sem perder no Ultimate - Diego Ribas

Recentemente, Anthony Johnson afirmou que vai deixar a aposentadoria de lado e está disposto a voltar a lutar pelo Ultimate. Além disso, o americano adiantou que seu plano agora é se aventurar na categoria dos pesados e mira um confronto diante de Francis Ngannou, atual número dois do ranking da divisão.

Entretanto, a ideia de 'Rumble' é que esse combate não seja apenas mais um na organização. Para tirar essa ideia do papel, ele quer que os dois lutadores encabecem algum grande evento. O discurso do americano chegou aos ouvidos do camaronês, que endossou essa iniciativa.

"Eu ouvi o que ele disse e ele disse bem. Eu não poderia dizer melhor do que isso. Se eles (UFC) colocam no contexto certo e os elementos certos para essa luta, ela deve acontecer. Mas não será apenas 'OK, apenas vá lutar'. Entreter as pessoas. Precisa ser em algum evento principal, ou alguma coisa especial", disse o lutador, ao site 'MMA Junkie'.

A última apresentação de Ngannou aconteceu em junho deste ano, quando nocauteou Junior 'Cigano'. O peso-pesado atualmente acumula três triunfos consecutivos na organização. Já Anthony Johnson, que não luta desde abril de 2017, após revés para Daniel Cormier, pelo título dos meio-pesados, tem um cartel de 22 vitórias e seis derrotas. O americano tem a impressionante marca de 16 triunfos por nocaute na carreira.

Esporte