PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Incansável! Tito Ortiz desafia Chael Sonnen e recém bicampeão do Bellator

Ag. Fight

29/01/2019 12h31

Aos 44 anos, Tito Ortiz já anunciou sua aposentadoria do MMA por três vezes até hoje. E a mais recente delas após nocautear um de seus maiores rivais - Chuck Liddell - em novembro de 2018. No entanto, o veterano parece disposto a retornar à ativa, e demonstrou isso no melhor momento possível.

Nesse sábado (27), através de suas redes sociais (veja abaixo ou clique aqui), 'The Huntington Beach Bad Boy' aproveitou a final do torneio dos pesos-pesados do Bellator para desafiar dois atletas participantes: Chael Sonnen e Ryan Bader. E o primeiro bicampeão da história da organização sinalizou positivamente para o possível embate durante a coletiva de imprensa após sua vitória sobre Fedor Emilianenko.

"Com certeza, sim. Depois que eu ganhei o título, fiquei importunando ele. Ele estava no bar, estávamos os dois lá, e eu fiquei tipo: 'Ei, você vai voltar? Vai voltar a lutar?'. Ele tipo: 'Já parei com isso, cara, me aposentei'. Então, sim, seria interessante. Ele tem que retornar e provar a si mesmo. Obviamente não é uma luta que insistirei. Mas é uma luta que quero vingar, todas minhas derrotas. Seria uma luta interessante", declarou Bader, de acordo com o site 'MMA Junkie'.

Tito e Ryan já se enfrentaram quando ambos eram atletas do UFC, em 2011. Na ocasião, Ortiz finalizou o atual campeão do Bellator ainda no primeiro round. E parece que vingar antigas derrotas é algo que martela os pensamentos de Bader, já que recentemente o americano falou sobre a vontade de encarar o brasileiro Lyoto Machida, para quem ele também perdeu nos tempos de Ultimate, em 2012.

Embora possua um legado considerável no esporte, Ortiz precisaria de um novo acordo com o Bellator para cogitar enfrentar Sonnen ou Bader. E, já aos 44 anos, é questionável o interesse da organização em seus serviços, confirmado pela declaração do presidente da liga, Scott Coker.

"Nós não tivemos essas conversas. George, seu empresário, entrou em contato e dissemos: 'Sim, vamos conversar depois que a luta acabar'. Mas veremos - lutando com Chael, ele já fez isso. E para mim, tipo, por que você iria querer refazer isso? E aposentadoria depois da aposentadoria - mas, você sabe, se ele quisesse lutar de novo, nós iríamos contratar ele? Não tenho certeza. Isso é algo que decidiríamos se a oportunidade viesse na nossa direção", desconversou o chefão do Bellator, em conversa com o 'MMA Junkie'.

Tito Ortiz é um dos maiores atletas de MMA da história. Ao longo de sua trajetória no esporte, que inclui o título mundial nos meio-pesados (93 kg) do UFC - o veterano somou 20 vitórias, 12 derrotas e um empate.

Esporte