PUBLICIDADE
Topo

Esporte

John Lineker rompe silêncio após lesão de Dominick Cruz: "Preciso lutar"

Ag. Fight

15/12/2018 08h00

John Lineker é o atual número 6 do ranking dos pesos-galos (61 kg) e vive seu melhor momento na carreira. Embalado por duas vitórias consecutivas, o brasileiro enfrentaria Dominick Cruz, no UFC 233, em Anaheim (EUA), dia 26 de janeiro. No entanto, o ex-campeão da categoria lesionou o ombro durante uma sessão de treinos e foi obrigado a deixar o combate. E, para completar, o evento foi cancelado. Diante destes fatores, o paranaense se posicionou pela primeira vez desde que seu adversário foi cortado do duelo.

Através de suas redes sociais (veja abaixo ou clique aqui), Lineker demonstrou interesse em se manter ativo, independentemente do adversário que o Ultimate escalar para enfrentá-lo. A lesão de Cruz parece não ter abalado o brasileiro, que posta vídeos diários de treinos que conservam sua preparação física para um possível novo confronto.

"Tudo que eu sei é que quero e preciso lutar. O oponente pode ser grande, pequeno, pesado, leve. O que importa? Eu vou abraçá-lo, bater nele e apertar sua mão depois", escreveu 'Mãos de Pedra' em sua conta do Instagram nessa quinta-feira (13).

E a ansiedade do brasileiro para voltar aos octógonos se justifica. Com oito vitórias nas últimas nove lutas, Lineker está próximo de se credenciar ao título dos galos do UFC. Inclusive, a única derrota do paranaense nos últimos quatro anos foi justamente para o atual campeão da categoria até 61 kg, TJ Dillashaw.

A certeza é de que John não lutará mais no UFC 233, independentemente dos planos do Ultimate para o brasileiro. Isso porque o card numerado foi oficialmente cancelado pela organização nessa semana, que afirmou que os duelos agendados para o evento serão remanejados para outros shows da temporada 2019.

Um vídeo publicado por ufc (@ufc) em Ago 8, 2015 às 9:50 PDT

 

Esporte