PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Após sofrer recorde de golpes, Ortega concorda com interrupção do árbitro

Ag. Fight

10/12/2018 12h38

Brian Ortega foi o derrotado na luta principal do UFC 231, realizado no último sábado (8), e ficou do lado negativo de um recorde: ele levou 290 golpes significativos, um recorde na história do Ultimate. Somente no quarto round, o último do duelo, ele foi acertado 134 vezes. Por tantos motivos contundentes, 'T-City' declarou ter concordado com a interrupção médica ao fim do penúltimo assalto.

Ortega foi levado para um hospital logo que a luta acabou, a fim de fazer exames. Naquela oportunidade, especulava-se que o peso-pena (66 kg) havia quebrado o osso orbital. Mas, por meio do Instagram (veja abaixo ou clique aqui), Brian contou que sofreu duas outras fraturas.

"O médico interrompeu e eu concordo. Nariz e dedo quebrados, e eu estava querendo morrer ali. A noite passada foi a noite do Max . Eu voltarei. Obrigado a todos que sempre acreditaram em mim e me deram apoio", escreveu.

O nocaute de Holloway interrompeu uma sequência de 15 lutas sem derrota de Ortega. A vitória também marcou o fim da desconfiança sobre as condições de Max, que havia sido retirado do UFC 223 por precaução médica, às vésperas do combate.

Um vídeo publicado por ufc (@ufc) em Ago 8, 2015 às 9:50 PDT

Esporte