PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Overeem desafia Ngannou e promete: "Revanche será diferente"

Ag. Fight

26/11/2018 11h46

Ex-desafiante ao título dos pesos-pesados do UFC, Alistair Overeem retornou ao octógono no último sábado (24), em Pequim, onde nocauteou o então invicto Sergey Pavlovich ainda no primeiro round. Após o feito, o holandês desafiou Francis Ngannou - que esteve em ação no duelo principal do evento - para um novo combate e garantiu que a possível revanche seria uma luta "diferente da primeira".

Overeem enfrentou Ngannou em dezembro de 2017, mas, na ocasião, o camaronês o nocauteou com um belo uppercut de esquerda ainda no início do primeiro assalto. Em seguida, em junho deste ano, 'The Demolition Man' foi novamente superado, dessa vez por Curtis Blaydes - a quem Ngannou derrotou na capital chinesa. No entanto, o holandês conseguiu voltar à coluna das vitórias em Pequim e agora quer provar que pode vencer Francis.

"Hoje foi uma noite curta. Tenho muito respeito por Francis Ngannou, mas, sim, estou muito pronto para uma segunda luta com ele. Posso prometer que a segunda luta será diferente da primeira. Fiz mudanças no meu camp, me sinto muito enérgico, muito motivado. A revanche será diferente da primeira, eu garanto isso", projetou o holandês, de acordo com a transcrição do site 'news.com.au', na entrevista coletiva após o evento.

Aos 38 anos, Alistair Overeem já foi campeão do Strikeforce e do GP do K-1, um dos maiores campeonatos de kickboxing do mundo. No entanto, ele deixou a chance do cinturão do UFC escapar ao ser derrotado por Stipe Miocic, em 2016. Ao longo da carreira profissional no MMA, o holandês acumulou expressivas 44 vitórias, além de 17 derrotas e uma luta sem resultado.

Esporte