PUBLICIDADE
Topo

MMA


MMA

Fedor nocauteia Mir e passa para semifinais do GP dos pesados do Bellator

Fedor Emelianenko lembrou os velhos tempos na noite deste sábado  - AFP / RIA NOVOSTI
Fedor Emelianenko lembrou os velhos tempos na noite deste sábado Imagem: AFP / RIA NOVOSTI

Ag. Fight

29/04/2018 01h05

Guardadas as devidas proporções, Fedor Emelianenko lembrou os velhos tempos na noite deste sábado (28). Em apenas 46 segundos de luta contra Frank Mir no Bellator 198, o russo viveu, de maneira resumida, a história de muitas de suas conquistas na época do extinto evento japonês Pride. E, surpreendendo a muitos, 'O Último Imperador' nocauteou o ex-campeão do UFC e passou para as semifinais do GP dos pesados da organização.

Logo nos primeiros instantes de luta, Mir acertou um soco que abalou Fedor. Uma vez que o russo não tem mais a capacidade de absorção de antigamente, tudo parecia se encaminhar para um triunfo de Frank ? mesmo a trocação não sendo sua especialidade. Mas a empolgação com a chance de um nocaute acabou jogando contra ele. Buscando encerrar a luta rapidamente, o americano deu espaços para os contra-ataques de Emelianenko, que aproveitou uma aproximação desleixada do adversário para acertar um upper fatal de esquerda. Estava feita, portanto, mais uma das reviravoltas que ajudaram a construir a aura imbatível do russo no passado. No chão, o ground and pound apenas sacramentou o resultado.

Garantido nas semifinais do torneio, Fedor vai enfrentar Chael Sonnen, que eliminou Quinton 'Rampage' Jackson na primeira rodada, em janeiro. Sonnen, inclusive, entrou no cage depois do duelo e deu uma de suas declarações tão provocativas quanto ensaiadas: "A única coisa que eu odeio mais do que estar em Chicago é dividir o octógono com você. E eu te garanto que, da próxima vez em que isso acontecer, não será por muito tempo", falou, antes de encarar, de terno e gravata, Emelianenko.

Todo o resto do card principal do evento foi definido via finalização: pupilo de Conor McGregor, Dillon Danis colocou seu jiu-jitsu de primeira linha em ação e estreou no MMA com uma americana no pé de Kyle Walker; Neiman Gracie derrotou Javier Torres com um katagatame; Rafael Lovato Jr. aproveitou um vacilo do ex-aposentado Gerald Harris para encaixar um armlock; e Emmanuel Sanchez não tomou conhecimento do ex-UFC Sam Sicilia e o obrigou a dar os três tapinhas por meio de um katagatame.

MMA